NA HORA
O jornal de Mato Grosso Facebook twitter youtube

Cuiabá MT, Quinta-feira, 18 de Agosto de 2022

POLÍTICA
Sexta-feira, 05 de Agosto de 2022, 16h:00

MUDANÇA NA JUSTIÇA

Maria Aparecida toma posse e é a 10ª mulher no TJ de Mato Grosso

Magistrada foi escolhida para compor o Pleno do Poder Judiciário pelo critério de antiguidade

Da Redação
Alair Ribeiro/TJMT
A desembargadora Maria Aparecida Fago, que tomou posse no TJMT, na manhã desta sexta-feira

Em cerimônia híbrida, na manhã desta sexta-feira (5), Maria Aparecida Ferreira Fago tomou posse como desembargadora do Tribunal de Justiça de Mato Grosso e completou o quadro de 30 membros da Corte mato-grossense.

A solenidade ocorreu no Plenário 1 do Palácio da Justiça, em Cuiabá.

O quadro do Judiciário mato-grossense, agora, tem 20 magistrados e 10 magistradas.

“Que eu possa honrar a confiança em mim depositada, contando sempre com ajuda e proteção divina para busca de um mundo melhor e mais justo”, declarou a magistrada, em seu discurso.

Leia também:

Juíza Maria Aparecida Fago é escolhida nova desembargadora do TJMT

“Nós, magistrados, temos por missão de dever de ofício, buscarmos a prestação da justiça e consequentemente a paz social”, completou.   

A nova desembargadora lembrou do caminho que percorreu até ascender ao desembargo e do luto mundial devido a pandemia.

“A caminhada foi longa já que tenho mais de 42 anos de serviço público sendo 30 anos, seis meses e quatro dias na magistratura deste glorioso Estado de Mato Grosso, onde ingressei em janeiro de 1998”, relembrou.

 

A cerimônia de posse contou a presença da Alta Administração do Tribunal, representantes de entidades como OAB e Defensoria Pública, magistrados (as), servidores(as) e familiares da empossanda.

Maria Aparecida Fago foi escolhida desembargadora no fim mês passado, pelo critério de antiguidade.

Como juíza, ela ocupava a primeira posição nesse critério. 

A escolha foi feita pelos 29 desembargadores que formam o Pleno do TJMT.

Ela sucede o desembargador Alberto Ferreira de Souza, que se aposentou. 

 

 

Integrante da Academia Mato-Grossense de Magistrados desde a sua fundação, Maria Aparecida Ferreira Fago entrou na magistratura há 30 anos, em 15 de janeiro de 1992.   

Atualmente, atuava como titular na 12ª Vara Criminal de Cuiabá e também estava designada para o 2º Juizado Especial Cível de Cuiabá.   

A magistrada também já passou pelas comarcas de Alto Garças, Jaciara e Rondonópolis.   


Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.




ENQUETE
Cuiabá flerta, cada vez mais, com o rebaixamento no Brasileirão. De quem é a culpa?
Do treinador
Da torcida
Dos cartolas
Dos jogadores
PARCIAL