NA HORA
O jornal de Mato Grosso Facebook twitter youtube

Cuiabá MT, Quarta-feira, 29 de Junho de 2022

POLÍCIA
Sexta-feira, 13 de Maio de 2022, 07h:31

ESQUEMA COM COCAÍNA

Federal age contra tráfico internacional de drogas em Cuiabá e VG

Foram cumpridos um mandado prisão preventiva e três de busca e apreensão, expedidos pela 5ª Vara Federal

Da Redação
PF faz operação contra tráfico de drogas em Cuiabá e Várzea Grande

Polícia Federal deflagrou, na manhã desta sexta-feira (13), a 2ª fase da Operação Monte Líbano, em Mato Grosso.

A ação policial investiga uma associação de pessoas voltada para o tráfico internacional de drogas, a partir de Cuiabá, para outros estados da Federação.

Na ação, foram cumpridos um mandados prisão preventiva e três de busca e apreensão, expedidos pela 5ª Vara Federal da Seção Judiciária de Mato Grosso, na capital mato-grossense e nas cidades de Várzea Grande e de Vila Velha (ES).

Leia também:

PF e PM flagram carga de 213 kg de cocaína da Bolívia

Outras duas pessoas com mandado de prisão preventiva estão foragidas.

A partir da 1ª fase da operação, foi possível identificar que a organização criminosa insistia na prática do tráfico de drogas, enviando drogas aos estados de Goiás e Espírito Santo, mesmo após a efetivação da prisão de alguns de seus líderes.

Até agora, já haviam sido lavrados quatro flagrantes de pessoas envolvidas no transporte de cocaína, cumpridos dois mandados de prisão preventiva e quatro mandados de busca e apreensão.

Segundo a PF,  ée mais uma fase da operação objetivando a repressão ao tráfico de drogas, com foco no esvaziamento patrimonial da organização criminosa.

As investigações terão continuidade, para a identificação e a responsabilização de outros indivíduos envolvidos nas práticas criminosas.


Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.




ENQUETE
Os casos de infecção por Covid voltaram a crescer em Mato Grosso. De quem é a culpa?
Do Poder Público, que "liberou geral" quando a pandemia diminuiu
De parte da população, que desconsiderou a necessidade da vacinação
Da Saúde Pública, que não intensifica campanha de conscientização
Das prefeituras, que decretaram o fim da obrigatoriedade das máscaras
PARCIAL