NA HORA
O jornal de Mato Grosso Facebook twitter youtube

Cuiabá MT, Quinta-feira, 18 de Agosto de 2022

CUIABÁ URGENTE
Terça-feira, 28 de Junho de 2022, 16h:27

NA TERRA DO 'INIMIGO'

Mauro Mendes autoriza asfalto novo para 11 bairros em Cuiabá

Da Redação

Christiano Antonucc/Secom-MT

Mauro Mendes - Cuiabá 1

Mauro Mendes assina, nesta quarta-feira (29), um pacote de obras de R$ 411,4 milhões para a Baixada Cuiabana

Na tarde desta quarta-feira (29), o governador Mauro Mendes (União Brasil) assina convênios, ordens de serviço, autorizações para licitações e contratações de obras, no montante de R$ 411,4 milhões, para a Baixada Cuiabana.

Ele também vai fazer a entrega de máquinas, em evento programado para 6h, no Salão Nobre Cloves Vettorato, no Palácio Paiaguás.

Somente a capital mato-grossense terá mais de R$ 174 milhões em investimentos.

Leia também:

Cuiabá é a segunda capital com menor índice de mortes violentas

Segundo a Secretaria de Comunicação Social (Secom), entre as principais ações para o município na infraestrutura, se destacam a autorização para a licitação que irá promover asfalto novo para 11 bairros, no valor de R$ 55,1 milhões.

Também haverá autorização para assinatura de contrato para asfaltar 19,4 km na MT-400, entre Cuiabá e Nossa Senhora da Guia, no valor de R$ 18,3 milhões.

Na área da Educação, Cuiabá também irá receber autorização para licitar reformas em nove escolas estaduais: Juarez Rodrigues do Anjos, Raimundo Pinheiro da Silva, Ulisses Cuiabano, Victorino Monteiro da Silva, Almira de Amorim Silva, Aureolina Eustácia Ribeiro, Dom José do Despraiado, Maria do Couto e Heliodoro Capistrano da Silva.

Essas reformas estão avaliadas em R$ 63,1 milhões.

Não se tem notícia se o prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) foi convidado para o evento...


Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.




ENQUETE
Cuiabá flerta, cada vez mais, com o rebaixamento no Brasileirão. De quem é a culpa?
Do treinador
Da torcida
Dos cartolas
Dos jogadores
PARCIAL