NA HORA
O jornal de Mato Grosso Facebook twitter youtube

Cuiabá MT, Domingo, 22 de Maio de 2022
CUIABÁ URGENTE
Sábado, 14 de Maio de 2022, 11h:28

MÚSICA & POLÍTICA

Cantor detona Lei Rounet, mas show seria bancado por prefeitura em MT

Da Redação

Reprodução

Zé Neto - cantor

O cantor Zé Neto, cujo show em Sorriso teria sido bancado pela Prefeitura, em comemoração ao aniversário da saúde: não houve cobrança de ingressos

No território livre da internet, viralizou um vídeo em que o cantor sertanejo Zé Neto, que faz dupla com Cristiano, faz um discurso político defendido pelos bolsonaristas: de ataques à Lei Rouanet, de incentivo à cultura.

O fato ocorreu um show na cidade de Sorriso (420 km ao Norte de Cuiabá), na madrugada deste sábado (14). 

Leia também:

Praça da Mandioca terá Carnaval fora de época, neste sábado

Sem citar a cantora, Zé Neto critica a colega Anitta, fazendo referência irônica a uma tatuagem íntima da cantora.

"Estamos aqui em Sorriso, Mato Grosso, um dos estados que sustentou o Brasil durante a pandemia. Nós somos a equipe que não depende de Lei Rouanet. Nosso cachê quem paga é o povo. A gente não precisa fazer tatuagem no toba para mostrar se a gente está bem ou mal. A gente simplesmente vem aqui e canta, e o Brasil inteiro canta com a gente", afirmou o sertanejo.

Sobre o cachê, a realidade parece ser outra: há quem garanta que o show em Sorriso foi bancado pela Prefeitura da cidade.

Leia mais AQUI

Veja o vídeo:


Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.




ENQUETE
Você acha que se justifica a polêmica entre Governo e Prefeitura em torno de VLT e BRT?
Tudo não passa de interesses político-eleitorais
O VLT já era. Obra deveria ter saído em 2014
O BRT não vai melhorar o sistema de transporte público
Qualquer um dos modais é solução para Cuiabá e VG
PARCIAL