NA HORA
O jornal de Mato Grosso Facebook twitter youtube

Cuiabá MT, Quinta-feira, 18 de Agosto de 2022

CIDADES
Sexta-feira, 24 de Junho de 2022, 08h:55

INFRAESTRUTURA PRECÁRIA

Suspenso voo de jato para São Félix do Araguaia, rota de turismo

Pousos e decolagens de outros tipos de aeronaves são mantidos, mas a pista desgastada será restaurada

EDUARDO GOMES
Da Reportagem
Divulgação
Sem manutenção, a pista do aeroporto de São Félix sofreu desgaste natural, nos últimos anos

Um dos principais roteiros turísticos do Brasil interior, São Félix do Araguaia (1.200 km a Nordeste de Cuiabá) enfrenta um gargalo à véspera da temporada de praia, que acontece em julho e coincide com o período das águas baixas no Araguaia.

Pousos e decolagens de jatos em seu aeroporto estão proibidos por notificação do Notam, do Departamento de Controle do Espaço Aéreo (Decea).

Notam significa Notice to Airman e é uma mensagem que tem por finalidade divulgar alterações e restrições temporárias que possam ter impacto nas operações aéreas.

Como, por exemplo, a indisponibilidade de um determinado auxílio à navegação aérea, uma pista que esteja interditada, o fechamento de uma porção do espaço aéreo, etc.

Leia também:

"Guardiões do Ibama" atuarão contra as queimadas em MT 

Com essa suspensão, que atinge considerável parcela dos turistas que visitam a região, o trade turístico deverá sofre baque, após dois anos de baixa taxa de ocupação hoteleira, por conta da pandemia de Covid-19.

A suspensão aos jatos em São Félix do Araguaia somente abre duas exceções: para aeronaves de serviço aeromédico e de transporte de valores por empresas de segurança, em sintonia com a prefeitura, que administra o aeroporto.

Divulgação

São Félix do Araguaia 1

São Félix, no Vale do Araguaia, é o ponto de encontro das águas do rio das Mortes com o Araguaia, onde começa a Ilha do Bananal

Sem manutenção, a pista do aeroporto de São Félix sofreu desgaste natural, nos últimos anos.

Sua precariedade levou à sua interdição para os voos de jato, mas as demais aeronaves não há restrição e, inclusive, a companhia aérea Azul mantém suas frequências, em dias alternados, para Cuiabá, com escalas em Água Boa, operando o turboélice Gran Caravan.

Porém, a exclusão dos jatos afasta empresários e figuras públicas que utilizam esse tipo de aviação executiva.

A prefeita do município, Janailza Taveira (União Brasil) reconhece o problema na pista e anuncia que, em breve, o local será restaurado por uma empresa contratada pela prefeitura.

Janailza não define prazo para tanto, mas revela que a obra será executada em parceria com a Secretaria de Infraestrutura e Logística (Sinfra), do Governo do Estado,, com recursos do programa "Mais MT Aeródromos Públicos", lançado pelo governador Mauro Mendes (União), em agosto de 2021, e que prevê um investimento de R$ 70 milhões, em recursos próprios, para aplicação ao longo de dois anos.

BELEZA – São Félix, no Vale do Araguaia, é o ponto de encontro das águas do rio das Mortes com o Araguaia, onde começa a Ilha do Bananal.

A região é caracterizada pela diversidade de sua flora a fauna.

O Araguaia além de piscoso, é uma das referências brasileiras nos esportes aquáticos, do turismo de pesca e de safáris fotográficos contemplativos.

Esse conjunto de atrações desperta interesse em turistas nacionais e do exterior.

A cidade, com 12 mil habitantes e sem acesso pavimentado, é circundada por pousadas que oferecem tour fluvial e que dependem da plena operacionalização do aeroporto para que possam receber hóspedes.


Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.




ENQUETE
Cuiabá flerta, cada vez mais, com o rebaixamento no Brasileirão. De quem é a culpa?
Do treinador
Da torcida
Dos cartolas
Dos jogadores
PARCIAL