NA HORA
O jornal de Mato Grosso Facebook twitter youtube

Cuiabá MT, Quarta-feira, 29 de Junho de 2022

CIDADES
Domingo, 15 de Maio de 2022, 20h:24

SITUAÇÃO DE EMERGÊNCIA

Fogo atinge ala do Hospital São Benedito; pacientes são retirados

O fogo começou por volta das 19h e o foco foi localizado numa ala do segundo andar da unidade

Da Redação
Reprodução
O incêndio, segundo o Corpo de Bombeiros, começou por volta de 19h, no Hospital São Benedito

Um princípio de incêndio atingiu as dependências do Hospital Municipal São Benedito, na Avenida São Sebastão, no bairro Quilombo, em Cuiabá, na noite deste domingo (15).

O fogo começou por volta das 19h, quando o Corpo de Bombeiros Militar foi acionado.

Leia também:

MT tem 1 morte, 153 casos e taxa de UTI Covid é de 14% 

O foco do incêndio, segundo as informações, foi localizado numa ala do segundo andar.

O fogo não afetou todos os andares, mas os pacientes do primeiro e segundo andares, principalmente os que estavam internados em Unidades de Terapia Intensiva (UTI),  tiveram que ser transferidos, às pressas, para outras unidades da rede municipal de Saúde

Nenhum paciente se feriu em razão do incêndio, segundo a Prefeitura. 

Por volta das 19h50, o Corpo de Bombeiros estava no local com oito viaturas de combate e de apoio.  

A Secretaria Municipal de Saúde e a Empresa Cuiabana de Saúde Pública divulgaram nota informando que foram tomadas as providências para a remoção dos pacientes e que nenhum se feriu.

Confira a íntegra da nota:

- O Hospital São Benedito passou por um princípio de incêndio por volta das 19h deste domingo (15). Ao que tudo indica, o fogo começou em um aparelho de ar condicionado de uma das enfermarias do segundo andar. O fogo já foi controlado;

- Todos os pacientes que estavam no primeiro, segundo e terceiro andares já foram retirados;

- Os pacientes que estavam internados em UTIs foram imediatamente transferidos para o Hospital Municipal de Cuiabá – HMC, para o antigo Pronto Socorro Municipal e para a Santa Casa;

- Nenhum paciente ficou ferido devido ao princípio de incêndio. A retirada dos pacientes foi necessária devido à grande quantidade de fumaça que tomou conta dos 3 primeiros andares;

- Ainda há pacientes internados no quinto andar, sem necessidade de remoção.

- O prefeito Emanuel Pinheiro ressalta que todos os esforços estão sendo empenhados para salvar vidas e que nenhum paciente ficou ferido ou foi a óbito por decorrência deste incidente.

Veja vídeo:

Veja entrevista do diretor-geral da Empresa Cuiabana de Saúde Pública, Paulo Rós:


Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.




ENQUETE
Os casos de infecção por Covid voltaram a crescer em Mato Grosso. De quem é a culpa?
Do Poder Público, que "liberou geral" quando a pandemia diminuiu
De parte da população, que desconsiderou a necessidade da vacinação
Da Saúde Pública, que não intensifica campanha de conscientização
Das prefeituras, que decretaram o fim da obrigatoriedade das máscaras
PARCIAL