NA HORA
O jornal de Mato Grosso Facebook twitter youtube

Cuiabá MT, Quarta-feira, 29 de Junho de 2022

CIDADES
Terça-feira, 24 de Maio de 2022, 00h:00

POLÍCIA

Criminosos invadem casa e executam mulher a tiros

Da Reportagem

Uma mulher foi assassinada a tiros, na noite de domingo (22), por dois criminosos que invadiram sua casa, localizada no Bairro Portal das Flores, em Juara (709 km ao norte de Cuiabá). A Polícia Judiciária Civil investiga o caso.

Na hora, dois homens em uma motocicleta chegaram à residência da vítima, identificada como Andreia Mariano, 25 anos. Eles bateram no portão e chamaram pela mulher. Após, os criminosos teriam aberto o portão do imóvel e foram até a sala da casa, onde efetuaram os disparos contra a vítima, que estava sentada no sofá.

Andreia Mariano estava em casa com o marido e as duas filhas pequenas. Antes de cometerem o crime, os assassinos teriam ordenado que as crianças fossem para um cômodo separado do imóvel. Após, efetuaram cerca de cinco tiros contra vítima. Em seguida, os atiradores fugiram.

Acionada por populares, uma equipe da Polícia Militar (PM) esteve no local, que foi isolado. A PM fez rondas na região para tentar prender os criminosos, mas até o fechamento desta matéria nenhum suspeito havia sido detido.

Uma equipe da Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) também esteve no local e recolheu vestígios do crime. O corpo da mulher foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML), onde passou por exames de necropsia.

 


Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.




ENQUETE
Os casos de infecção por Covid voltaram a crescer em Mato Grosso. De quem é a culpa?
Do Poder Público, que "liberou geral" quando a pandemia diminuiu
De parte da população, que desconsiderou a necessidade da vacinação
Da Saúde Pública, que não intensifica campanha de conscientização
Das prefeituras, que decretaram o fim da obrigatoriedade das máscaras
PARCIAL