NA HORA
O jornal de Mato Grosso Facebook twitter youtube

Cuiabá MT, Segunda-feira, 03 de Agosto de 2020
Primeira Página
Quarta-feira, 14 de Março de 2018, 01h:46

MUDANÇA/CUIABÁ

Prefeito troca comando da secretaria de Saúde

Em decorrência da crise na saúde da Capital originada pela falta de medicamentos nas unidades, o prefeito Emanuel Pinheiro (PMDB) exonerou a secretária Elizeth Lúcia Araújo. Em seu lugar, assume o médico e servidor de carreira Huark Douglas Corrêa, que ocupará o cargo interinamente. Ele já ocupou a função de secretário de saúde de Cuiabá no ano de 2012, durante os últimos meses de gestão do então prefeito Chico Galindo (PTB). Atualmente, ele responde pela diretoria da Empresa Cuiabana de Saúde, responsável pela direção do Hospital São Benedito. Elizeth, entretanto, não foi a única a perder o cargo devido crise dos medicamentos. Além dela, outros três adjuntos também deixarão seus postos. Trata-se de Milton Correa da Costa Júnior, que responde pela Atenção Básica; Elizete Adriana Aleixo, responsável pela Gestão e Dúbia Beatriz Oliveira, que comanda o Planejamento e Operações. O chefe do Executivo Municipal ainda deve promover a exoneração de outros servidores. O principal motivo que levou o peemedebista a tomar esta decisão é a crise pela qual passa a Secretaria de Saúde em decorrência da falta de medicamentos e de insumos básicos nas unidades de saúde. Por conta disso, no início deste mês o Pronto Socorro da Capital chegou a suspender os atendimentos e cirurgias eletivas por duas horas, uma vez que a unidade não tinha materiais para realizar os procedimentos. O atendimento só foi normalizado após a chegada de um caminhão de remédios e insumos. A saída do Executivo Municipal para a crise foi projetar um Pregão Emergencial, o qual vai assegurar R$ 130 milhões para assegurar o fornecimento durante o ano de 2018 e 2019. Além disso, nos bastidores a conversa é de que o prefeito também não estava contente com o trabalho desempenhado por Elizabeth a frente da pasta. (KA)

Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.




ENQUETE
Como você vê as acusações entre Mauro Mendes e Emanuel Pinheiro sobre o caos na pandemia?
O governador é o culpado
O prefeito da Capital também tem culpa
Essa briga prejudica as ações de combate à Covid-19
É uma disputa político-eleitoral
PARCIAL