Sábado, 21 de janeiro de 2017 Edição nº 14658 21/01/2017  











FOTOGRAFIA
Tuca Reinés/Santander
Cuiabá, cidade que nasceu e cresce à margem do rio com mesmo nome, expressa segundo o fotógrafo Tuca Reinés, uma manifestação da sabedoria divina
Um olhar amoroso sobre as cidades brasileiras


Cada olhar é um olhar, diverso de tudo aquilo que possamos olhar e de como olhar. Assim somos nós, indivíduos isolados, e nos achamos, muitas das vezes, sabedores de tudo, inclusive o de ver, enxergar a nossa cidade... Mas, vamos combinar, nossa cidade – nossa querida Cuiabá 300-3, até abril próximo quando passamos para menos dois – ainda tem alguns ângulos diferentes para se olhar e a partir desse ponto tentar entender um pouco mais a nossa história, por meio da diversidade dos olhares. Leia mais...
HOLOFOTE
· O sertanejo de Leo Magalhães no Galpão

DOCUMENTÁRIO
· A axé music não é mais a mesma

DOCUMENTÁRIO
· Sonho de Flávio Venturini é gravar disco instrumental

CRÔNICA
· Colisão

20:28 Governador diz que foi eleito para governar MT
20:27 Reitora da UFMT recebe alta e continuará tratamento em casa
20:26 Taques entrega 28 novos veículos para fiscalização
20:26 Marcel de Cursi deixa hospital e volta à prisão
20:25 Gallo caça os 200 maiores devedores


20:24 Valtenir e Galli disputam liderança
20:12 Homicida com três mandados é preso
20:10 Nove pessoas são presas por força de mandados
20:09 Acusados de assaltar fazendas são presos em Rosário Oeste
20:08 Novo modo nos assaltos a bancos
Cuiabá
Min: 18°
Max: 36°
TOPO | PRIMEIRA PÁGINA | ÚLTIMAS NOTÍCIAS | POLÍTICA | ECONOMIA | CIDADES | POLÍCIA | ESPORTES
BRASIL | MUNDO | DC ILUSTRADO | CUIABÁ URGENTE | EDITORIAIS | ARTIGOS | AZUL | TEVÊ | E-MAIL
Diário de Cuiabá © 2015