Domingo, 20 de outubro de 2019 Edição nº 15330 18/10/2019  












Judas

Ao apoiar a manutenção do colega Delegado Valdir (GO) na Liderança do PSL na Câmara Federal, o deputado Nelson Barbudo assinou sua "sentença" perante a Família Bolsonaro: passou a ser considerado "traidor". E, dizem, pode pagar bem caro.



Ex-devoto

Como a coluna tem enfatizado, Barbudo vinha se revelando um dos mais fiéis devotos de Bolsonaro. O racha no PSL, no entanto, mostrou a faceta do deputado mato-grossense, ao escolher ficar do lado do presidente do partido, Luciano Bivar.



Infiel

Nas redes sociais, circula um vídeo com um discurso de Barbudo, no qual ele jura "fidelidade canina" ao presidente. Na eleição de 2018, em MT, postulando uma vaga na Câmara, o hoje deputado se anunciava como o "candidato de Bolsonaro".



Submissão

"Eu me chamo Nelson Barbudo e fui eleito pelo meu Mato Grosso para lutar com o presidente que restaurará a democracia até à morte. (...) Jamais abandonarei o meu presidente Jair Bolsonaro, seja lá em que situação for", bradou Barbudo, em fevereiro deste ano.



Baixaria

O racha no PSL, além das traições, revela também o grau de baixaria que marca as discussões nos bastidores. O site O Antagonista teve acesso a um áudio de uma reunião de deputados do partido, na qual eles se queixam de Bolsonaro.



Prostíbulo

No áudio, o presidente da CCJ, Felipe Francischini, se queixa de Jair Bolsonaro: "Ele que começou a fazer a putaria toda, falando que todo mundo é corrupto." O líder do PSL, Delegado Valdir, mantido no cargo, foi além: chamou JB de "vagabundo".



Cachorro

"A gente foi tratada que nem cachorro, desde que ele [Bolsonaro] ganhou a eleição. Nunca atendeu a gente em porra nenhuma. (...) Só liga na hora que precisa para f... com alguém", diz Francischini, no áudio. O Planalto não quis comentar.



Terceira idade

Valter Albano apelou até para a condição de idoso (tem 66 anos), mas não convenceu a ministra Cármen Lúcia, do STF, a dar seguimento a habeas corpus, na tentativa de revogar a decisão, do próprio Supremo, que o afastou do TCE-MT.



Necessário

A principal alegação de Albano é que sua ausência, assim como de outros quatro conselheiros acusados de corrupção, pode implicar em "prejuízo" ao funcionamento do TCE. Quis dizer que ele os colegas são imprescindíveis.



Horrores

Pela segunda vez, a Justiça barra a CPI do Paletó, que iria investigar Emanuel Pinheiro (MDB). Adversários do Alencastro dizem que o presidente da Casa dos Horrores, vulgo Câmara, Misael Galvão (PSB), vibrou mais que o prefeito com a decisão judicial.



.....................



Selma e o ativismo no STF

A senadora Selma Arruda (Podemos) cobrou da presidente da CCJ, Simone Tebet (MDB), que seja pautada a PEC que estabelece a prisão de condenados em 2ª instância. Selma é a relatora e está com seu parecer pronto para votação desde 6 de agosto. "Não podemos permitir que o STF cometa mais uma vez ativismo judicial. O papel de legislar deve ser do Legislativo", disse a ex-juíza.



....................



Manto

No melhor estilo Bolsonaro, o prefeito Emanuel vestiu uma camisa do Flamengo, durante assinatura de proposta do Plano de Carreira do Palácio Alencastro, na quarta (16). O presente foi dado por servidores e o ato foi registrado por EP no Facebook.



Luxo

Dos sete imóveis de alto padrão que eram de Silval Barbosa e que a Justiça mandou a leilão, chama a atenção o apartamento no Edifício Riviera da América, no Jardim das Américas, que ele ocupava quando era governador do Estado.



Quem dá mais?

O imóvel, localizado numa das áreas mais nobres de Cuiabá (em frente ao Shopping Três Américas), tem valor inicial de R$ 1,2 milhão, mas foi reduzido para R$ 601 mil. No auge da carreira de SB, o prédio era, digamos, uma referência.



Réu confesso

Os imóveis, na verdade, pertencem ao Estado e fazem parte do contrato de delação premiada firmado pelo ex-governador para ressarcir os cofres públicos. SB é réu confesso no roubo de R$ 1 bilhão do contribuinte mato-grossense.



Pântano privatizado

Reportagem do site The Intecept revela que Ministério do Turismo estuda privatizar áreas de conservação do Pantanal e o Parque Nacional de Chapada dos Guimarães. Em MT, há outras nove áreas que devem passar para a iniciativa privada.



Megalomania

A medida levaria em conta uma obsessão de Bolsonaro: a criação de "Cancúns" brasileiras, numa referência à cidade mexicana, na costa do Mar do Caribe, conhecida por suas praias, seus vários resorts e sua vida noturna. Parece megalomania...



Luto no futebol

Aos 84 anos, morreu na madrugada de ontem o empresário Armindo Carreto Pardal. Natural de Portugal, estava radicado em Cuiabá desde 1970. Era sócio de uma distribuidora de bebidas e foi presidente do Mixto E.C. Ele teve uma parada cardíaca.


Comentários Deixe aqui sua opinião sobre esse assunto

09:32 Semáforo do Círculo Militar
09:32 Tributação para área da saúde
09:31 Mistérios da República
09:31 Carne Carbono Neutro
09:31 Carne Carbono Neutro


09:30
09:30 O risco dos casuísmos
09:29 Gigante sueca aquece setor de audiolivros do Brasil
09:29 Renée Zellweger já desponta como favorita ao Oscar
09:29 Renée Zellweger já desponta como favorita ao Oscar
Cuiabá
Min: 18°
Max: 36°
TOPO | PRIMEIRA PÁGINA | ÚLTIMAS NOTÍCIAS | POLÍTICA | ECONOMIA | CIDADES | POLÍCIA | ESPORTES
BRASIL | MUNDO | DC ILUSTRADO | CUIABÁ URGENTE | EDITORIAIS | ARTIGOS | AZUL | TEVÊ | E-MAIL
Diário de Cuiabá © 2018