NA HORA
O jornal de Mato Grosso Facebook twitter youtube

Cuiabá MT, Sábado, 08 de Agosto de 2020
ESPORTES
Quinta-feira, 26 de Julho de 2018, 17h:20

ALTITUDE

Jorginho revela que tentou "desmistificar" problemas

Foram dois jogos em altitude de mais de 2.800 metros este ano e duas derrotas acachapantes: a primeira, pela Libertadores, em fevereiro, foi por 4 a 0 para o Jorge Wilstermann, na Bolívia. Na quarta-feira, 3 a 1 para a LDU, em Quito (EQU), pela Sul-Americana. Ex-jogador experiente e multicampeão, o técnico Jorginho revelou que tentou tirar essa preocupação da cabeça dos seus jogadores, mas não foi suficiente. "É difícil jogar aqui. Tentei tirar essa coisa de altitude dos jogadores, mas é uma realidade", disse complementando posteriormente: "Tentei desmistificar para os jogadores, mas eles mesmos sentem". Assim como seus comandados, Jorginho ainda acredita numa classificação dia 9 de agosto, no jogo de volta, em São Januário, quando o Vasco precisará vencer por ao menos 2 a 0. "Situação complicada, mas não impossível. A equipe do Vasco, em casa, é muito forte. A LDU não vai ter a mesma vantagem física", declarou. BOTAFOGO O protesto realizado na quarta-feira, que contou com membros de organizadas e de grupos políticos do Botafogo, terminou em muita confusão na sede de General Severiano, no Rio de Janeiro. Aproveitando-se da reunião do Conselho Deliberativo que aconteceria no local, um grupo de cerca de 100 pessoas invadiu o local, derrubou cadeiras e quebrou algumas vidraças, fazendo com que a assembleia entre os dirigentes fosse suspensa. O presidente do conselho, Jorge Aurélio Domingues, precisou ser amparado por seguranças particulares para deixar a sede. Antes da invasão, os envolvidos no ato cantavam músicas de protesto e tinham como auxílio um carro de som, onde algumas figuras conhecidas da política alvinegra -e que hoje integram a oposição- palestravam. Algumas bombas foram atiradas, o que causou algumas reações de reprovação pela atitude. As pessoas que protestaram exigiram, entre outras questões, uma reforma no estatuto e explicações sobre o balanço divulgado, no qual se apresenta um superávit com o clube antecipando receitas. Foram feitas críticas também ao elenco atual e exigências para que o Botafogo volte a disputar títulos de expressão.

Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.




ENQUETE
Como você vê as acusações entre Mauro Mendes e Emanuel Pinheiro sobre o caos na pandemia?
O governador é o culpado
O prefeito da Capital também tem culpa
Essa briga prejudica as ações de combate à Covid-19
É uma disputa político-eleitoral
PARCIAL