Terça feira, 12 de dezembro de 2017 Edição nº 10002 10/07/2001  










TAM/TRAGÉDIAAnterior | Índice | Próxima

Comandante Rolim Amaro é enterrado em São Paulo

Da AF - São Paulo

O corpo do comandante Rolim Amaro, 58, foi enterrado ontem no cemitério de Congonhas (zona Sul de São Paulo), sob os aplausos de familiares, amigos e funcionários da TAM. Durante o velório, que terminou às 15h, os executivos da empresa evitaram falar sobre a sucessão de Rolim.

Muitos funcionários foram ao Pavilhão das Autoridades do Aeroporto de Congonhas, onde o corpo do presidente da TAM estava sendo velado. O bispo de Santo Amaro, d. Fernando Figueiredo, conduziu a missa de corpo presente, realizada por volta das 14h.

Durante o velório, as bandeiras do Brasil e da TAM, depois entregues à família do comandante Rolim, cobriam o caixão. No final da missa de corpo presente, funcionárias da TAM, emocionadas e chorando, cantaram o hino da empresa. Do aeroporto, o corpo seguiu, em um carro do Corpo de Bombeiros, para o cemitério de Congonhas.

Mais de 300 pessoas acompanharam o enterro. Três helicópteros sobrevoaram o cemitério durante a cerimônia. Sobrevôos de um avião Airbus A-319, pilotado pelo comandante-geral de operações da TAM, Geraldo Medeiros, e uma chuva de pétalas de rosas, jogadas de um dos helicópteros, foram as duas últimas homenagens prestadas ontem ao comandante Rolim. No cemitério, a família do presidente da TAM aplaudia os sobrevôos da aeronaves junto com comissários de bordo, atendentes, recepcionistas e executivos da empresa. Muitos funcionários, abatidos, choravam e lamentavam a morte do presidente da companhia.

"Vai ser difícil encontrar um patrão como ele, a gente tinha que vir homenageá-lo e agradecer pelo carinho com que nos tratava”, disse um operador de carga de 25 anos, que estava acompanhado pela mulher, também funcionária da TAM.

Sucessão - Os executivos da empresa evitaram comentar os boatos à respeito da sucessão de Rolim na TAM. Ontem, cogitava-se que Daniel Mandelli Martin, vice-presidente do conselho diretivo da TAM, assumiria a presidência da companhia. Mandelli, que é casado com Lecy Martin, irmã de Rolim Amaro, não fez declarações sobre a sucessão da empresa.



Anterior | Índice | Próxima

Comentários Deixe aqui sua opinião sobre esse assunto




19:42 Na Federal, Ezequiel Fonseca nega uso de notas frias
19:41 Cada gabinete poderá contratar três
19:41 Taques define seu futuro com Alckmin
19:41 Mauro diz ser prematuro o debate
19:40 Governo paga salário de servidor público


19:28 BOA DISSONANTE
19:27 O impacto de um sorriso
19:27 Prefeito terá que recriar secretaria dos 300 anos
19:26 Arquitetos, voos e ferrovias
19:26 Caráter e ciência
Cuiabá
Min: 18°
Max: 36°

TOPO | PRIMEIRA PÁGINA | ÚLTIMAS NOTÍCIAS | POLÍTICA | ECONOMIA | CIDADES | POLÍCIA | ESPORTES
BRASIL | MUNDO | DC ILUSTRADO | CUIABÁ URGENTE | EDITORIAIS | ARTIGOS | AZUL | TEVÊ | E-MAIL
Diário de Cuiabá © 2015