Terça feira, 18 de dezembro de 2018 Edição nº 9966 02/06/2001  










VÔLEIAnterior | Índice | Próxima

Seleção masculina recebe os EUA

MARIANA LAJOLO
Da Agência Folha – São Paulo

Quando ouvir o anúncio da equipe brasileira que enfrenta os EUA hoje, às 8h, em Belo Horizonte, pela Liga Mundial - primeiro jogo do técnico Bernardinho no Brasil (com transmissão ao vivo na TV Globo, às 8h)-, um torcedor mais distraído pode até pensar que irá assistir a uma partida da Superliga masculina.

Dos sete titulares da seleção, quatro foram campeões da última edição do torneio pelo Telemig/ Minas - Maurício, André Nascimento, Giba e Henrique.

Completam a equipe Nalbert, André Heller e Escadinha. Destes, apenas o líbero não jogou no time mineiro. André Heller conquistou a Superliga 1999/2000 pelo Minas, e Nalbert passou pelo clube quando ainda era juvenil.

No banco de reservas, a ligação da seleção com Minas Gerais aumenta. Dante é a mais nova contratação do time e vai ocupar a vaga deixada por Giba, que foi para o Ferrara, da Itália. Além dele, o oposto Anderson e o auxiliar técnico Chico dos Santos também já passaram pelo clube.

“Já joguei muito no Mineirinho e sei como é. Mas é claro que com a camisa da seleção será diferente", disse André Nascimento, maior pontuador do Brasil na Liga Mundial, com 94 pontos.

Nos últimos dois anos, Belo Horizonte se transformou no principal centro do vôlei masculino no país. A equipe do Telemig/Minas é bicampeã da Superliga (99/00 e 00/01) e conseguiu manter a base do time para a próxima temporada. O desempenho de seus jogadores rendeu seis convocações para a seleção. Além dos quatro atletas que devem começar jogando hoje, Ezinho e Douglas completam o grupo.

Em seu primeiro jogo no Brasil, a seleção do técnico Bernardinho terá pela frente o único adversário para o qual perdeu na Liga - o time tem cinco vitórias e é líder do Grupo D, com 11 pontos.

Os jogadores brasileiros não escondem que os 3 a 2 na segunda partida em Colorado Springs ficaram engasgados.

“Não esperávamos perder daquela maneira", disse Nalbert.

“Prefiro não comentar sobre isso [motivo da derrota]", afirmou o oposto Anderson.

Após o jogo contra os norte-americanos, Bernardinho criticou a falta de concentração da equipe e disse que a parte psicológica dos jogadores precisa ser trabalhada.

Na partida de hoje, os EUA - que estão em segundo no grupo, com 10 pontos - terão a volta do atacante Thomas Hoff.

O técnico Bernardinho decidiu manter os 14 jogadores que disputaram as seis primeiras partidas da Liga. Com isso, Douglas, Ezinho e Xanxa continuam fora do grupo. Para os dois jogos em Belo Horizonte, também não jogarão o levantador Ricardinho e o atacante Rodrigão.



Anterior | Índice | Próxima

Comentários Deixe aqui sua opinião sobre esse assunto




18:52 Depoimento tem teclado Quebrado e fio queimado
18:52 Empresa Boeing fecha termo de compra
18:52 Michel Temer sai em defesa de Dilma
18:51 Bolsonaro pede "disciplina" e "hierarquia"
18:51 Réver se aproxima de retorno


18:50 Timão se reforça para brigar por títulos
18:49 Oitavas terão duelos entre PSG e Manchester United
18:49 Felipe Melo ignora interesse do Fla
18:48 São Paulo luta para manter Hudson
18:48 Dourado não descarta deixar o Inter
Cuiabá
Min: 18°
Max: 36°

TOPO | PRIMEIRA PÁGINA | ÚLTIMAS NOTÍCIAS | POLÍTICA | ECONOMIA | CIDADES | POLÍCIA | ESPORTES
BRASIL | MUNDO | DC ILUSTRADO | CUIABÁ URGENTE | EDITORIAIS | ARTIGOS | AZUL | TEVÊ | E-MAIL
Diário de Cuiabá © 2018