Segunda feira, 20 de janeiro de 2020 Edição nº 15365 10/12/2019  










LEITORAnterior | Índice | Próxima

Justiça arquiva denúncia contra Mauro Carvalho

Tenho dito nas rodas de amigos(as) que o Mauro Carvalho é uma pessoa de extrema competência e possui qualidades acima da média. Portanto, é o nome ideal para enfrentar o Emanuel e vencer.

ROBSON SOUZA, Cuiabá/MT



AL acompanhará denúncia de Emanuel

Esse Botelho só tem um interesse: suas empresas e manter a DEFAZ longe delas. Agora está entre a cruz e a espada, ou fica do lado do governador, mantendo sua subserviência de sempre (mantendo suas licitações) e pode acirrar os ânimos da DEFAZ contra a sua empresa ou fica do lado dos delegados afastados e perde a boquinha com o Mauro.

DAVI A. FREITAS, Cuiabá/MT



Juiz acata prescrição e ex-deputado escapa da prisão

Esse é o país que o Bolsonaro recebeu. Leis feitas para bandidos. O crime ainda compensa no Brasil. Pior é ver a defesa de ministros do STF contra a prisão de criminosos. Esse Eliene deveria estar na cadeia.

JONES OLIVEIRA, Cuiabá/MT



Motocicletas respondem por 52% dos acidentes

Faltam recursos para a saúde, isso é afirmado diariamente. Evidente que se 50% dos acidentes são de responsabilidade das motos, não podemos debitar esse ônus a população como um todo. Fácil, criar um fundo destinado a pagar as despesas dos acidentados com moto, parece ser a solução. No ato da venda da moto seria recolhido pela empresa vendedora valor determinado que seria calculado considerando os custos que esse tipo de veículo proporciona. Sempre Seria reajustado para mais ou para menos conforme o nível de despesas. Com certeza teriamos redução nas despesas com acidentes pois antes de vender uma moto as empresas treinariam seus clientes. Isso já é aplicado pela polícia federal, cumprindo a lei, aos interessados em adquirir armas de fogo. Só compra quem passa por treinamento. Parece que aumentariam as vendas de motos pois deixariam de ser veículos de alto risco.

ACIR CARLOS OCHOVE, Cuiabá/MT

ochove@terra.com.br



Ex-senadores de MT custam R$ 1,3 milhão por ano

gostaria de saber quanto um senador paga por mês para receber 22 mil de aposentadoria? Nada quem paga somos nos e devemos cobrar urgência nas votações para favorecer o povo e retirar todas essas regalias pois quando ficam doentes correm pra São Paulo porque não vão pra UPA do bairro.

JOANA RAMOS, Cuiabá/MT



Riva revela que pagou R$ 38 mi para comandar a Assembleia

Quem acompanha a política e tem ao menos um pingo de discernimento já imaginava toda estas festa com os recursos públicos, agora só veio a comprovação.

LEANDRO LEBFIN, Cuiabá/MT



Osvaldo Sobrinho deixa o PTB

Pai do vice-prefeito Niuam quer ficar longe do prefeito Emanuel Pinheiro, Mas quem manda no PTB é o Chico Galindo o único caminho para Osvaldo era deixar a sigla.

LUIZ QUEDES, Cuiabá/MT



Proposta prevê cota zero para pesca amadora

Essa proibição deve ser radical, deixar livre quem mais depreda o Rio, os(tidos) como pescadores profissionais, que usam das mais perversas armadilhas na captura ilegal do peixe, como redes, tarrafas, covel, etc. Capturam na piracema e vendem a preços baixos, para atrair compradores. Deve proibir radicalmente, por 5 anos, com penas pesadas e prisão para os infratores. Proibir a venda de peixes do rio em qualquer estabelecimento comercial. Retirar os trapiches existentes nas barrancas dos rios. O pescador amador fica com toda culpa mas quem depreda o rio são os próprios ribeirinhos, falta estudo para inclusão nessa proposta, mas quem frequenta os rios sabe disso. Deve frear o amador, mas o profissional(ribeirinho) também, que mais depreda. Muitos dependem dos amadores para sobreviver, inclusive grande parte dos profissionais.

BENTO RODRIGUES DE MENEZES, Aposentado, Cuiabá/MT

bento.menezes@gmail.com



Júlio Campos muda domicilio eleitoral

O que representa um mérito significativo em Júlio Campos é seu desejo ardente de reconquistar a simpatia do eleitor mato-grossense, que se declinou de sua maneira coronelista e arcaica de fazer politica. Ele vive atrás de uma oportunidade de ganhar o poder e nele permanecer indefinidamente. Até que não deixa de ser um ideal elevado, mas, certamente a possibilidade é menor do que a vontade.

VALTER LEONCIO, Cuiabá/MT



Emanuel foca em obras e decide

reeleição em 2020

Cuiabá terá dois marcos de desenvolvimento: um antes de Emanuel Pinheiro e outro após Emanuel Pinheiro.

JOÃO ARRUDA, Cuiabá/MT



Anterior | Índice | Próxima

Comentários Deixe aqui sua opinião sobre esse assunto




17:46 Portal Transparência registra mais de 1,1 milhão de acessos em 2019
17:46 Governo muda regras para contratação de serviços terceirizados
17:45 MT já acumula mais de R$ 2 bi em impostos nesse ano
17:45 TCE manda Cuiabá exonerar "apadrinhados" e contratar aprovados em seletivo
17:44 Defaz investiga irregularidades em licitação de semáforos


17:37
17:36 Jayme Campos é o`6º parlamentar mais rico do Brasil
17:35 A pensão das filhas solteiras
17:34 Avenida Parque do Barbado
17:34 Sustentabilidade: o que estão pensando os europeus
Cuiabá
Min: 18°
Max: 36°

TOPO | PRIMEIRA PÁGINA | ÚLTIMAS NOTÍCIAS | POLÍTICA | ECONOMIA | CIDADES | POLÍCIA | ESPORTES
BRASIL | MUNDO | DC ILUSTRADO | CUIABÁ URGENTE | EDITORIAIS | ARTIGOS | AZUL | TEVÊ | E-MAIL
Diário de Cuiabá © 2018