Sexta feira, 15 de novembro de 2019 Edição nº 15333 23/10/2019  










Anterior | Índice | Próxima



Cabresto

O deputado Nelson Barbudo (PSL) jura que nunca traiu Jair Bolsonaro. À agência Brasil, ele deixou claro que só toma posições político-partidárias depois de consultar o presidente. Tradução: só faz o que o “capitão” manda.

Sem força

Apesar da confissão, dificilmente, Barbudo vai se livrar da pecha de “traidor”. Por conta disso, aliados já dão como certa a perda de influência do parlamentar, por exemplo, no comando da Superintendência do Incra em Mato Grosso.

Castigo

Na segunda-feira (21), Barbudo recebeu o primeiro “presente”: foi alijado da função de vice-líder do PSL pelo novo (por enquanto) líder do partido na Câmara, Eduardo Bolsonaro (RJ), que não tolera o deputado mato-grossense.

Evidência

Embora sem ligação direta com os esquemas, a Casa dos Horrores, vulgo Câmara de Cuiabá, foi colocada em evidência, nesta semana, com uma operação policial e uma decisão judicial sobre fraudes envolvendo dinheiro público.

Fraudes

A primeira foi a Operação Quadro Negro, da Polícia Judiciária Civil, que, ontem, prendeu o empresário Valdir Piran e, de quebra, levou Wilson Teixeira, o “Dentinho”, ex-presidente da Casa. Ambos são acusados de fraudes no antigo Cepromat, hoje MTI.

Peculato

No outro caso, a Justiça negou recurso de Chica Nunes contra decisão que a condenou a 11 anos e um mês de prisão e a pagamento de 50 dias-multa pelo crime de peculato. Na época do crime, ela era presidente da Casa dos Horrores.

Memória

Chica Nunes foi condenada em dezembro de 2018 pelo desvio de R$ 6,3 milhões em licitações da Câmara, nos anos de 2005 e 2006, período em que ocupou a presidência. A decisão estabelece regime fechado, mas ela deve recorrer em liberdade.

Baleia

A Prefeitura confirmou a presença, entre outras figuras de relevo da política, do presidente nacional do MDB, Baleia Rossi (SP), no dia 11 de novembro, na inauguração da última etapa do Hospital Municipal e Pronto-Socorro da Capital.

Palanque

O evento tem tudo para se transformar num enorme palanque político-eleitoral. A previsão é de que o presidente do MDB aproveite a oportunidade para lançar a candidatura do prefeito Emanuel Pinheiro à reeleição ao Alencastro.

Grão de areia

O deputado estadual Delegado Claudinei (PSL) usou as redes sociais para manifestar “irrestrito” apoio a Jair Bolsonaro, na briga com a cúpula do PSL. Se é que o apoio do mato-grossense possa significar algo no contexto dessa briga.

....................

Tribunal do faz-de-conta

O Tribunal de Contas de Mato Grosso é um caso sui generis. Apesar de seu colegiado ser composto de sete conselheiros titulares, apenas e tão-somente dois votarão no dia 5 de novembro para escolher o presidente, o vice e o corregedor-geral. O mais curioso (para não dizer engraçado) é que os dois – Campos Neto e Guilherme Maluf – votarão neles mesmos.

....................

Renovação?

Sem choro, Maluf será eleito presidente e deve acumular a Corregedoria Geral. Neto será vice. Cinco conselheiros titulares estão afastados, acusados de corrupção. Seus substitutos não podem votar. Isso é o que se chama de “renovação”...

Mensagem

Em artigo publicado ontem na mídia, o (ainda) vice-prefeito Niuan Ribeiro (Podemos) defende que “devemos atuar ao lado pessoas que pensam e agem da mesma maneira que a gente”. Perguntar não ofende: o que ele faz no Palácio Alencastro?

Intruso

Ribeiro e o prefeito Emanuel entraram em rota de colisão. Por orientação da cúpula do Podemos, o vice insiste em manter o emprego, embora seja considerado um intruso na Prefeitura. Sonha com a candidatura a prefeito em 2020.

Luz & Pizza

O policial militar Elizeu Nascimento (DC) será o presidente CPI da Energisa, a muito custo, instalada na ALMT para investigar supostos abusos da concessionária na cobrança de conta luz. Há quem já sinta cheio de pizza no ar...

Cautela

O governador Mauro Mendes (DEM) revelou que vai acompanhar com interesse o desenrolar dessa CPI. Ele reconhece que a tarifa de luz no Estado é cara, mas recomendou cautela aos deputados, e que evitem a “politicagem”. Faz sentido.

Ponto chique

Na Operação Quadro Negro, ontem, agentes da Delegacia Fazendária (Defaz) cumpriram dois mandados de busca e apreensão no Alphaville. Não é por nada não, mas a Polícia já conhece muito bem esse condomínio de luxo, em Cuiabá.

“Singelos”

O deputado federal Aécio Neves (PSDB) pediu ao ministro Gilmar Mendes, do STF, o arquivamento de uma investigação por suposto recebimento de propina em Furnas. A defesa alega que o deputado tucano recebeu “singelos” US$ 32 mil.



Anterior | Índice | Próxima

Comentários Deixe aqui sua opinião sobre esse assunto




17:29 A Bolívia e seus dilemas - parte II
17:29 BOA DISSONANTE
17:28 Estado adia para 2020 decisão sobre VLT
17:27 Diferença entre direita e bolsonarismo
17:26 A saída da extrema pobreza


17:26 Reflexões da vida
17:25 Toffoli intima BC e obtém dados sigilosos de 600 mil pessoas
17:25
17:24 Brics ignoram crise na Venezuela e Bolívia
17:24 Zona de livre comércio com China pode prejudicar indústria
Cuiabá
Min: 18°
Max: 36°

TOPO | PRIMEIRA PÁGINA | ÚLTIMAS NOTÍCIAS | POLÍTICA | ECONOMIA | CIDADES | POLÍCIA | ESPORTES
BRASIL | MUNDO | DC ILUSTRADO | CUIABÁ URGENTE | EDITORIAIS | ARTIGOS | AZUL | TEVÊ | E-MAIL
Diário de Cuiabá © 2018