Sexta feira, 20 de setembro de 2019 Edição nº 15303 11/09/2019  










ASSISTÊNCIA SOCIALAnterior | Índice | Próxima

Em MT, só 30% das cidades contam com cobertura do Creas

Da Reportagem

Apenas 30,4% dos 141 municípios mato-grossenses contam com cobertura em relação aos serviços que são ofertados pelos Centros de Referência Especializado em Assistência Social (Creas), em Mato Grosso. Para ampliar, o governo do Estado apresentou ao governo federal um projeto de expansão das unidades. A proposta foi feita pela primeira-dama do Estado, Virginia Mendes, e pela secretária de Estado de Assistência Social e Cidadania (Setasc), Rosamaria Carvalho, ao secretário especial de Desenvolvimento Social do Ministério da Cidadania, Wellington Coimbra, o Lelo Coimbra.

Na audiência foi realizada no dia 4 de setembro, em Brasília, também foi apresentada a proposta de instalar o Centro de Formação e Atualização dos Profissionais dos SUAS (Sistema Único de Assistência Social), no Estado. De acordo com o levantamento apresentado por Rosamaria Carvalho, no Estado há apenas 44 unidades de Creas, distribuídos em 43 municípios, o que corresponde a apenas 30,4% de cidades com cobertura em relação aos serviços que são ofertados nos centros de referência.

“Nosso objetivo com a visita foi buscar apoio do Governo Federal para a expansão da rede, tendo em vista que a que temos está muito aquém. Apenas em 2018, estas 44 unidades de Creas registraram 4.319 casos de algum tipo de violação de direitos, como negligência familiar, violência física, psicológica, doméstica, abuso sexual de crianças e adolescentes, exploração sexual. Isso deixa claro a necessidade de ampliação de unidades de Creas em Mato Grosso”, disse por meio da assessoria de imprensa, a titular da Setasc.

A primeira-dama, sensível em relação ao tema, reforçou o pedido ao secretário e se comprometeu em articular junto à bancada federal mato-grossense apoio para viabilizar recursos de emendas destinadas para a construção de novos Creas.

“Temos muitos municípios de pequeno porte com essa demanda e necessidade de urgente de uma unidade de Creas para a execução dos serviços da proteção especial, especialmente, para as nossas crianças, adolescentes, mulheres e idosos. Esta iniciativa integra o fortalecimento de toda a rede de enfrentamento à violência que estamos propondo para o Estado de Mato Grosso e, por isso, vou me empenhar junto aos nossos parlamentares em busca de mais recursos”, pontuou Virginia Mendes.

O secretário do Ministério de Cidadania se mostrou parceiro e disposto a colaborar com Mato Grosso em relação aos pleitos, mas evidenciou, que, no momento, os co-financiamentos do Governo Federal não preveem novas construções, apenas reformas. “Daí a necessidade de somar forças com a bancada federal para o reforço dos recursos por meio de emendas parlamentares”, reforçou.

Ainda, conforme a assessoria, o Creas é uma unidade pública da política de assistência social onde são atendidas famílias e pessoas que estão em situação de risco social ou tiveram seus direitos violados. Além de orientar e encaminhar os cidadãos para os serviços da assistência social ou demais serviços públicos existentes no município, no Centros de Referência também se oferece informações, orientação jurídica, apoio à família, apoio no acesso à documentação pessoal e estimula a mobilização comunitária.

O foco são os atendimentos de risco pessoal e social, com violação de direitos, como a violência física, psicológica e negligência; violência sexual; afastamento do convívio familiar devido à aplicação de medida de proteção; situação de rua; abandono; trabalho infantil; discriminação por orientação sexual, raça ou etnia, entre outras.



Anterior | Índice | Próxima

Comentários Deixe aqui sua opinião sobre esse assunto




18:14 Embarques de milho somam US$ 1,34 bi em agosto, alta de 169,2%
18:13 Confinamento impulsiona abates em MT
18:02 Selma muda para o Podemos
18:02 BOA DISSONANTE
18:01 Ajuste no lugar errado


18:01 Medidas cautelares e prerrogativa de foro
18:00 Força feminina
17:59 Pivetta assume governo pela primeira vez
17:59 Revisão aponta superávit de R$ 121 milhões
17:59 Vereador entrega cargos que possuía na Prefeitura
Cuiabá
Min: 18°
Max: 36°

TOPO | PRIMEIRA PÁGINA | ÚLTIMAS NOTÍCIAS | POLÍTICA | ECONOMIA | CIDADES | POLÍCIA | ESPORTES
BRASIL | MUNDO | DC ILUSTRADO | CUIABÁ URGENTE | EDITORIAIS | ARTIGOS | AZUL | TEVÊ | E-MAIL
Diário de Cuiabá © 2018