Terça feira, 25 de junho de 2019 Edição nº 15223 21/05/2019  










Anterior | Índice | Próxima



Sonho de JC

Secretário-geral do DEM/MT, Júlio Campos cada vez mais acalenta o sonho de voltar ao Senado. A chance seria com a disputa da eleição suplementar, prevista com a oficialização da cassação da senadora Selma Arruda (PSL).

Pressão

Como a coluna já registrou, a família do ex-governador é contra, considerando seu estado de saúde, que requer cuidados. JC, no entanto, alega que teria sido sondado pela cúpula nacional do DEM, que quer ter candidato.

Novela

Presidente interina da AL, Janaína Riva (MDB) é frontalmente contra a extinção ou a mera redução da verba indenizatória de R$ 65 mil, concedida aos nobres deputados para despesas com o mandato. A VI virou uma novela...

É meu!

No Twitter, um seguidor da deputada a questionou sobre o projeto de redução da verba, proposto por Ulysses Correa (DC). "A opção é do deputado. Pode abrir mão do que quiser. Do meu direito não abro mão de nada”, disse Janaína.

No calo

Ulysses propõe reduzir a VI dos deputados de R$ 65 mil para R$ 32 mil. Além disso, ele defende a obrigação de uma prestação de contas. Esse último item tem desagradado seus colegas. Não querem prestar contas aos contribuintes.

Pró-Bolsonaro

O grupo “Direita MT”, formado por militantes que apoiam Bolsonaro, articula manifestações em defesa do presidente em várias cidades do Estado, no dia 26. A previsão é de que os bolsonaristas irão às ruas em 14 cidades.

Alvos

Além do ato em favor de Bolsonaro, o grupo – formado por filiados ao PSL – vai mirar no senador Jayme Campos (DEM) e no deputado Valtenir Pereira (MDB), que votaram para retirar o Coaf do Ministério da Justiça.

Pit stop

O jornal A Gazeta flagrou, na semana passada, o ex-vereador João Emanuel desfilando em um Porsche, na Avenida do CPA. Top de linha, o veículo, segundo informações de concessionária, custa entre R$ 329 mil e R$ 773 mil.

Currículo

No mês passado, um vídeo com a imagem de um homem como sendo João Emanuel, dirigindo um Porsche, viralizou nas redes sociais. Ele negou. O ex-presidente da Câmara foi condenado por desvio de verbas e lavagem de dinheiro.

Prioridade

Dono do PSD, Carlos Fávaro decidiu que é prioritário um candidato próprio à Prefeitura de Cuiabá, em 2020. O vice-prefeito Niuan Ribeiro seria esse nome. O que só aumenta o racha com o prefeito Emanuel Pinheiro (MDB)

................

A Primeira-Família e os negócios

Nas redes sociais, a primeira-dama de MT, Virgínia Mendes, postou fotos de viagem à Ásia Oriental, em companhia da filha mais velha, Ana Carolinne. O destino é a Republica Popular da China, onde vão representar a Bimetal e as demais empresas do grupo pertencente à família. Com a posse de Mauro Mendes no Governo do Estado, Virgínia assumiu a administração dos negócios da família, com os filhos.

..............

Diferente

Deputado de primeiro mandato, Faissal Calil (PV) decidiu devolver o carro oficial disponibilizado para os serviços de seu gabinete. O veículo, uma caminhonete VW Amarok, é alugado e custa R$ 9 mil mensais ao contribuinte.

Contas

Todos os meses, a Assembleia paga R$ 216 mil com o aluguel de veículos para os 24 deputados. Se os outros 23 parlamentares resolvessem seguir o exemplo de Faissal, o Poder economizaria R$ 2 milhões.

Defesa

O deputado estadual Silvio Fávero saiu em defesa do colega Victório Galli e disse que ele tem chance de ser candidato a prefeito de Cuiabá. Para a senadora Selma, o problema do ex-deputado é a enorme rejeição.

Conservador

Conhecido por idolatrar Bolsonaro até nos projetos que apresenta na ALMT, Fávero aposta no eleitor de perfil conservador, que, segundo ele, votou no atual presidente, em Selma e no deputado federal Nelson Barbudo.

Novo partido

O Movimento Brasil Livre (MBL) aguarda o sinal verde do TSE para coletar assinaturas para a criação de um partido político. A intenção do grupo é que a nova sigla possa disputar as eleições em 2022.

Expoente

Em Mato Grosso, o principal expoente do MBL é o deputado estadual Ulysses Correa (DC), 28 anos. O grupo é ativo nas redes sociais e ganhou musculatura ao apoiar a Operação Lava-Jato e o impeachment de Dilma Rousseff (PT).

O problema

Em discurso na Federação das Indústrias do Rio (Firjan), ontem, Jair Bolsonaro disse que “o grande problema do Brasil é a classe política”. JB foi deputado por 28 anos e tem um filho senador, um deputado federal e um vereador.



Anterior | Índice | Próxima

Comentários Deixe aqui sua opinião sobre esse assunto




18:40 MP denuncia Arcanjo e mais 32 envolvidos com jogo do bicho
18:39 O papel da assessoria de imprensa
18:38 Ferrovia para trazer
18:38 Viva João Batista!
18:37 A tragédia da educação


18:37 Avante Luverdense
18:36 Disney lança série adolescente com primeira protagonista brasileira
18:36
18:35 Ian McEwan: estamos nos afogando na irracionalidade
18:33 Paulo Fernandes volta à sua terra natal para show e gravação de DVD
Cuiabá
Min: 18°
Max: 36°

TOPO | PRIMEIRA PÁGINA | ÚLTIMAS NOTÍCIAS | POLÍTICA | ECONOMIA | CIDADES | POLÍCIA | ESPORTES
BRASIL | MUNDO | DC ILUSTRADO | CUIABÁ URGENTE | EDITORIAIS | ARTIGOS | AZUL | TEVÊ | E-MAIL
Diário de Cuiabá © 2018