Domingo, 26 de maio de 2019 Edição nº 15203 19/04/2019  










FÓRMULA-1Anterior | Índice | Próxima

Verstappen rouba a cena no início da temporada

JULLIANNE CESAROLI
Da Uol/Folhapress – São Paulo

Enquanto fala-se muito no duelo entre Mercedes e Ferrari, um piloto está aproveitando para roubar a cena neste início da temporada da Fórmula 1. Max Verstappen está em terceiro no campeonato, à frente das duas Ferrari, e vem impressionando o chefe Christian Horner.

O holandês foi o terceiro colocado no GP da Austrália, conquistando um pódio logo na primeira corrida da parceria da Red Bull com a Honda. Na etapa seguinte, só não repetiu o feito devido a um Safety Car nas últimas voltas, uma vez que tinha ritmo suficiente para superar Charles Leclerc, que sofria com problemas no motor.

Já no último final de semana, na China, Verstappen conseguiu se manter perto o suficiente das Ferrari na parte inicial da prova e, ao antecipar sua parada nos boxes, superou Leclerc e até chegou a ultrapassar Vettel momentaneamente. Mas o alemão conseguiu se manter em terceiro e o holandês cruzou em quarto.

Como a Red Bull ainda não tem a mesma velocidade de reta que Mercedes e principalmente Ferrari, e tem enfrentado dificuldades para acertar o carro, os resultados de Verstappen chamam ainda mais a atenção.

"Max pilotou muito na China, e ainda que ele tenha lutado bastante para passar Vettel e lutar por um pódio, não tínhamos ritmo para passar a Ferrari."

Os resultados de Verstappen são ainda mais impressionantes se comparados aos de seu novo companheiro, Pierre Gasly. Mesmo que o francês diga que não está adaptado à Red Bull, a diferença é grande: Gasly tem até o momento um 11º, um oitavo e um sexto lugares.

Perguntado pela reportagem o que acredita que está faltando para a Red Bull lutar por vitórias, Verstappen disse que são duas as principais áreas: velocidade de reta e aderência do carro.

"Na China, estava ventando muito e acho que nosso carro é mais sensível a isso do que os outros. E é claro que a velocidade máxima não é o que gostaríamos que fosse. Mas as coisas estão em um bom caminho. Só temos de continuar forçando e melhorando o equilíbrio do carro e também do ponto de vista do motor. Não estou desapontado porque sei que tirei o máximo do carro."

Após três etapas disputadas, Verstappen tem 39 pontos. O líder do campeonato é Lewis Hamilton, com 68, seguido pelo companheiro de Mercedes, Valtteri Bottas, que tem 62. As Ferrari vêm em quarto e quinto, com Vettel somando 37 pontos e Leclerc, 36. A próxima etapa da Fórmula 1 será disputada dia 28 de abril, no Azerbaijão.



Anterior | Índice | Próxima

Comentários Deixe aqui sua opinião sobre esse assunto




19:46 BOA DISSONANTE
19:45 Professores aprovam greve a partir de segunda
19:42 Educadores e a reforma da previdência
19:41 Vitória da sensatez
19:41 Um SIM à adoção


19:40 O Traidor concorre à Palma de Ouro com comentário político e retrato da máfia
19:40
19:39 Lucy Alves prepara disco mais autoral, dançante e com rifs eletrônicos
19:38 Jeza da Pedra prepara disco com crônicas musicais do Rio
19:37 Malcom terá noite sinfônica neste sábado
Cuiabá
Min: 18°
Max: 36°

TOPO | PRIMEIRA PÁGINA | ÚLTIMAS NOTÍCIAS | POLÍTICA | ECONOMIA | CIDADES | POLÍCIA | ESPORTES
BRASIL | MUNDO | DC ILUSTRADO | CUIABÁ URGENTE | EDITORIAIS | ARTIGOS | AZUL | TEVÊ | E-MAIL
Diário de Cuiabá © 2018