Domingo, 26 de maio de 2019 Edição nº 15203 19/04/2019  










SAPEZALAnterior | Índice | Próxima

Assassino de travesti é preso e confessa crime

Da Reportagem

O autor do homicídio que vitimou um travesti na cidade de Sapezal (480 quilômetros, a Noroeste de Cuiabá) teve o mandado de prisão preventiva cumprido pela Polícia Judiciária Civil, nessa quarta-feira (17). O suspeito, conhecido como “Loro”, 41 anos, foi identificado como autor do crime que vitimou, Jeferson da Fonseca, a “Juliane” ou “Juju”, em um bar no Centro da cidade.

O crime ocorreu no dia 11 de abril, quando após uma discussão em um bar, o suspeito desferiu duas facadas contra a vítima. Na ocasião, a vítima saiu correndo para o interior do estabelecimento, mas foi alcançada pelo suspeito que concluiu a execução com mais uma facada. A vítima foi atingida no pescoço e em outras partes do corpo, não resistindo aos ferimentos e morrendo no local.

Logo após o crime, o suspeito foragiu. Com base nas investigações e nos indícios de autoria, o delegado Valmon Pereira da Silva representou pelo mandado de prisão contra o suspeito, que foi localizado na noite de quarta-feira (17), em uma casa no bairro Jardim Ipê, região central da cidade.

Em interrogatório, o suspeito confessou o crime e disse que foi convidado para sentar na mesa da vítima e logo que sentou percebeu que Juliane era uma travesti pela voz. Na versão do investigado, em determinado momento, a vítima pegou o celular do suspeito dando início a discussão, que culminou no crime.

Conforme o delegado Valmon Pereira da Silva, o crime ganhou repercussão na cidade em razão de ter sido supostamente praticado por questões homofóbicas. “Ainda serão ouvidas outras testemunhas para confirmar se essa foi realmente a motivação”, disse.

O suspeito responderá por homicídio qualificado, tendo pena até 30 anos de reclusão. Ele será encaminhado para a cadeia pública de Campo Novo dos Parecis, onde permanecerá à disposição da justiça.

Na delegacia, em consulta, os policiais encontraram uma informação de mandado de prisão contra Loro expedido pela Justiça do Maranhão. Nesse caso, ele é investigado por um estupro ocorrido em 2009, naquele estado. Ainda será confirmado na comarca de origem a validade dessa ordem judicial.

Anterior | Índice | Próxima

Comentários Deixe aqui sua opinião sobre esse assunto




19:46 BOA DISSONANTE
19:45 Professores aprovam greve a partir de segunda
19:42 Educadores e a reforma da previdência
19:41 Vitória da sensatez
19:41 Um SIM à adoção


19:40 O Traidor concorre à Palma de Ouro com comentário político e retrato da máfia
19:40
19:39 Lucy Alves prepara disco mais autoral, dançante e com rifs eletrônicos
19:38 Jeza da Pedra prepara disco com crônicas musicais do Rio
19:37 Malcom terá noite sinfônica neste sábado
Cuiabá
Min: 18°
Max: 36°

TOPO | PRIMEIRA PÁGINA | ÚLTIMAS NOTÍCIAS | POLÍTICA | ECONOMIA | CIDADES | POLÍCIA | ESPORTES
BRASIL | MUNDO | DC ILUSTRADO | CUIABÁ URGENTE | EDITORIAIS | ARTIGOS | AZUL | TEVÊ | E-MAIL
Diário de Cuiabá © 2018