Segunda feira, 19 de novembro de 2018 Edição nº 15058 11/09/2018  










EDUARDO PÓVOASAnterior | Índice | Próxima

Aos terráqueos

Acho não, tenho certeza de que alguns terráqueos ainda não entenderam o que a esmagadora maioria do povo brasileiro quer destas eleições.

Este povo que não aguenta mais viver sobre a tutela de uma democracia neo liberal, inventada por umas múmias de São Paulo que deveriam há muito tempo estarem expostas no Museu Nacional, de um governo que se dizia social e que articulava por debaixo dos panos um esfacelamento da máquina pública, e de um atual, fraco e despersonalizado comandado segundo a policia Federal por um chefe de quadrilha, que se Deus quiser, antes que eu vá para outro plano, verei este chefe fazendo companhia para o molusco.

Pouco importa se o futuro Presidente será um membro da Academia Brasileira de Letras, da Academia Nacional de Assuntos Econômicos ou da Santa Sé, ou que fale dez ou quinze línguas, ele só tem que usar uma, a que faça nossa gente viver em paz.

Essa conversinha fiada de que Bolsonaro não tem preparo para assumir a Presidência jamais fará com que nós, seus eleitores, mudemos o voto. Estamos precisando de um homem com H maiúsculo e não de um super. letrado.

O povo brasileiro quer um Presidente que tenha coragem de incinerar o maldito ECA (Estatuto da Criança e do Adolescente) em praça pública.

O povo brasileiro quer um Presidente que acabe com o auxílio reclusão.

O povo brasileiro quer um Presidente que respeite o cidadão e que o permita a ter uma arma em casa para defender sua família.

O povo brasileiro quer que o futuro Presidente olhe olho no olho dos membros do Congresso Nacional e acabe com a política do “toma lá dá cá”!

Se precisar, feche esta merda, pois mais atrapalha do que ajuda. É um poço sem fim. Dinheiro pra lá não há que chegue.

Moral da história: o povo brasileiro está atrás de um verdadeiro MACHO.

De cagão, vivemos até hoje e ainda temos muitos na vitrine.

Alguns dessa vitrine para morrer de repente demoram mais de seis meses, outros se você deixá-los tomando conta de uma tartaruga ela, sem nenhuma dúvida, fugirá ou a cuidadora, não irá perceber.

Precisamos de um Bolsonaro apesar dele não ser nenhum Posto Ipiranga nem uma Brastemp, mas parece a muitos, inclusive a mim, ser o homem de saco roxo (como dizia um ex presidente) para enfrentar estas crises que o país atravessa.

Que fale só Tupi Guarani, ou nem isso, pois de letrados e analfabetos estamos de saco cheio.

O Brasil precisa de um macho. Se vai dar certo, paguemos para ver, pois já erramos muito e a hora é de consertar. Se não der, coloquemo-lo pra fora!



* EDUARDO PÓVOAS - pós-graduado pela UFRJ

eduardopovoas@outlook.com



Anterior | Índice | Próxima

Comentários Deixe aqui sua opinião sobre esse assunto




18:03 Após Guerrero, só rodízio para definir novo camisa 9
18:03 Tricolor perde eficiência ofensiva
18:03 Tite cede e tenta agradar os clubes
18:02 Corinthians pega o Fla pela recuperação
17:59 Master Mato-grossense goleia Olaria


17:59 Taça Mato Grosso começa em setembro e vai até dezembro
17:58 Palmeiras recebe o Cruzeiro no Allianz
17:53 TRE exclui PRTB da chapa de Taques
17:53 Atraso salarial é ‘fake news’, diz Taques
17:52 Juiz aponta ‘fake news’ e proíbe propaganda de Taques contra Mauro
Cuiabá
Min: 18°
Max: 36°

TOPO | PRIMEIRA PÁGINA | ÚLTIMAS NOTÍCIAS | POLÍTICA | ECONOMIA | CIDADES | POLÍCIA | ESPORTES
BRASIL | MUNDO | DC ILUSTRADO | CUIABÁ URGENTE | EDITORIAIS | ARTIGOS | AZUL | TEVÊ | E-MAIL
Diário de Cuiabá © 2018