Quarta feira, 14 de novembro de 2018 Edição nº 15054 04/09/2018  










SANTOSAnterior | Índice | Próxima

Gabriel renasce sob a batuta de Cuca

ALEX SABINO e DIEGO GARCIA
Da Uol/Folhapress – São Paulo

Com os três gols marcados diante do Vasco, no sábado, o atacante do Santos Gabriel chegou a dez gols no Brasileiro e agora divide a artilharia da competição com Pedro, do Fluminense.

Antes da chegada do treinador Cuca, há pouco mais de um mês, o atacante estava em má fase e era criticado por parte da torcida, que pedia sua saída do time.

"A minha meta aqui não é chegar e ouvir: 'foi o Cuca que colocou o Gabriel no banco'. A meta que tenho é de fazer o Gabriel jogar o que já jogou", disse o técnico dias após ser apresentado.

Ele chegou a deixá-lo no banco de reservas em sua segunda partida no comando da equipe, contra o Ceará, mas por enquanto a meta traçada tem dado certo.

Gabriel já fez 6 gols em 10 partidas com o técnico. Também tem demonstrado mais vontade nas partidas, inclusive contribuindo na marcação.

Gabriel fez 4 gols em 14 partidas sob o comando de Jair Ventura pelo Brasileiro. Com Cuca, tem 5 gols em 6 jogos no torneio - marcou um também quando o técnico era o interino Serginho Chulapa.

Embora tenha bons números no ano - 19 gols em 38 jogos, média de 0,5 por partida-, Gabriel se mostrava por vezes displicente e perdia chances claras antes da chegada de Cuca. Contra o Corinthians, pelo Brasileiro, desperdiçou uma em cima da linha.

Com Pedro lesionado, ele pode aproveitar as próximas partidas para se isolar na artilharia e voltar a ser o jogador decisivo de 2015 e 2016.

CRISE SANTISTA

O advogado José Edgard Galvão Machado, que defende o presidente do Santos, José Carlos Peres, em um processo de impeachment, assina há pelo menos três anos procurações entregues à Justiça informando que seu escritório fica no mesmo endereço onde está registrada a Hi Talent.

Essa empresa agencia atletas e está envolvida na crise política vivida pelo clube.

A Hi Talent já teve como um dos donos Ricardo Crivelli, o Lica, ex-coordenador das categorias de base do Santos.

Lica é ex-sócio do presidente santista na Saga Talent, que também agenciava jogadores. A ligação do dirigente com essas duas empresas são pontos que baseiam o processo de impeachment contra ele.

Pelo estatuto do Santos, Peres não poderia ter participação em agenciamento de atletas quando assumiu o clube.

A Saga só foi fechada em 23 de maio, um mês depois de sua existência ser descoberta e quase seis meses após Peres se tornar presidente. Ele foi eleito em dezembro de 2017.

A Hi Talent apareceu em seguida, em junho deste ano, quando a Folha de S. Paulo revelou percentual de uma transação futura cedida a essa empresa.

Procurado, Machado respondeu por meio de aplicativo de mensagens que seu escritório fica em outro endereço e afirmou que há uma confusão por causa de um papel antigo usado em seu trabalho.

OUTRO LADO

Machado nega que seu endereço seja o mesmo de empresa

Em contato com a reportagem, José Edgard Galvão Machado negou que o seu endereço comercial seja o mesmo da empresa Hi Talent.

"Milito no direito esportivo há aproximadamente 20 anos e desconheço Ricardo Crivelli", afirmou, por meio de aplicativo de mensagens.

Para comprovar seu endereço de trabalho, ele enviou para a reportagem cópia da procuração dada por José Carlos Peres em que consta endereço de escritório na avenida Brigadeiro Faria Lima, em São Paulo.

A reportagem informou ter documentos que comprovavam a informação e enviou ao advogado cópia da manifestação da defesa de Peres apresentada ao conselho deliberativo do Santos.

Nessa petição, com papel timbrado da Galvão Machado Advogados Associados, consta o endereço igual ao da empresa Hi Talent.

"Essa abordagem que lhe foi suscitada é despropositada e beira a inviolabilidade ao exercício da advocacia. Não há confusão nas coisas, recebi uma causa para defender porque vi direitos fundamentais do meu cliente serem violados. Estou nessa como advogado. Essa coisa de endereço é de papel antigo", disse.



Anterior | Índice | Próxima

Comentários Deixe aqui sua opinião sobre esse assunto




19:07 Tramita na AL projeto que revoga decreto de Taques
19:06 Mauro e Wellington criticam Caravana da Transformação
19:06 Mauro Savi protocola candidatura no TRE
19:06 MP pede fim da candidatura da juíza aposentada Selma
19:04 Sávio nega pagamento de cirurgia não feita


18:04
17:45 Richarlison lamenta por Pedro e promete luta pela titularidade
17:45 Schulle define hoje time do Cuiabá para jogo de sábado
17:44 Barbieri pede time mais ‘incisivo’ contra o Inter
17:44 Messi busca reinventar seu jogo
Cuiabá
Min: 18°
Max: 36°

TOPO | PRIMEIRA PÁGINA | ÚLTIMAS NOTÍCIAS | POLÍTICA | ECONOMIA | CIDADES | POLÍCIA | ESPORTES
BRASIL | MUNDO | DC ILUSTRADO | CUIABÁ URGENTE | EDITORIAIS | ARTIGOS | AZUL | TEVÊ | E-MAIL
Diário de Cuiabá © 2018