Sábado, 17 de agosto de 2019 Edição nº 15050 29/08/2018  










RONDONÓPOLISAnterior | Índice | Próxima

Wellington e prefeito de Cuiabá sofrem acidente em rodovia

Da Reportagem

Ontem, o candidato ao governo do Estado, Wellington Fagundes (PR), contou detalhes sobre o acidente que se envolveu com uma carreta na noite de segunda-feira (27), quando estava a caminho de Rondonópolis (217 km de Cuiabá), em companhia do prefeito da Capital, Emanuel Pinheiro (MDB).

De acordo com Fagundes, o acidente aconteceu cerca de cinco quilômetros de distância de Rondonópolis, quando uma carreta próxima a eles se desgovernou e tombou. O carro dos dois políticos, foi atingido por outro veículo pesado. “Uma carreta se desgovernou, numa pista dupla, carregada e acabou capotando bem na nossa frente a uns 300 ou 400 metros e veio uma outra carreta, que nos ultrapassou. Na ultrapassagem freando para chegar próxima já da outra que estava impedindo totalmente a pista, ela acabou se chocando com nosso carro, na lateral e, infelizmente jogou o nosso carro para o acostamento e estourou o pneu”, explicou.

Ainda segundo o candidato, o impacto se deu na parte traseira do carro, onde estava o prefeito Emanuel Pinheiro. Para Wellington, por poucos centímetros, o acidente poderia ter sido fatal para os dois políticos e o motorista que conduzia o veículo. Questionado sobre o sentimento originado pelo ocorrido, o candidato recorreu ao lado espiritual e agradeceu por estar bem. “Eu sou um homem de fé, tanto é que estava a caminho de uma missa. Deus sabe colocar as coisas no momento certo e felizmente Deus no protegeu e estamos aqui trabalhando e podendo prestar conta de nosso trabalho para a população de Mato Grosso”, afirmou.

Segunda-feira, Wellington passou o dia em Brasília (DF) participando de audiências públicas. Ele estava a caminho de Rondonópolis para participar da missa de 7º dia de falecimento de seu sogro, Diógenes de Abreu.



Anterior | Índice | Próxima

Comentários Deixe aqui sua opinião sobre esse assunto




18:24 De alcova
18:24 Percival terá que devolver R$ 170 mil aos cofres públicos
18:22 Vazamento de delações tem motivação política, diz Taques
18:17 Selma e Nilson Leitão brigam por tempo de TV
18:15 Seis candidatos ainda não prestaram contas


18:15 Kaká chega à Itália sem saber função que exercerá
18:14 Grêmio segue firme na Libertadores
18:14 Richarlison é o substituto de Pedro
18:14 Miguel Borja se diz pronto para aumentar seus números
18:13 São Paulo quer manter ponta sem goleadores
Cuiabá
Min: 18°
Max: 36°

TOPO | PRIMEIRA PÁGINA | ÚLTIMAS NOTÍCIAS | POLÍTICA | ECONOMIA | CIDADES | POLÍCIA | ESPORTES
BRASIL | MUNDO | DC ILUSTRADO | CUIABÁ URGENTE | EDITORIAIS | ARTIGOS | AZUL | TEVÊ | E-MAIL
Diário de Cuiabá © 2018