Segunda feira, 10 de dezembro de 2018 Edição nº 15023 21/07/2018  










ELEIÇÕESAnterior | Índice | Próxima

Programa de governo do PT prevê reforma do Judiciário

CATIA SEABRA
Da Folhapress – São Paulo

O comando do PT aprovou ontem os cinco pontos básicos do programa de governo do partido.

Apresentado pelo ex-prefeito Fernando Haddad, o documento propõe a reformar o sistema de Justica "para a garantia de direitos", além da democratização dos meios de comunicação em massa.

O programa prevê também uma "reforma bancaria para aumentar o credito barato as familias e empresas", bem como a "reafirmacao do legado dos governos do PT e revogacao das medidas do governo golpista (legislacoes e privatizacoes)".

A federalizacao do combate ao trafico de drogas também está entre as propostas, que foram submetidas ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

DISTRIBUIÇÃO DE RECURSOS

Também nesta sexta, o comando do PT definiu, após quatro meses de debate interno, critérios para distribuição dos recursos do fundo partidário para os candidatos.

Os candidatos que concorrem à reeleição serão privilegiados, seguidos por dirigentes partidários e ex-ocupantes de cargos no Executivo.

Para senador e governador, a distribuição de verbas para a campanha dependerá do número de eleitores em cada Estado.



Anterior | Índice | Próxima

Comentários Deixe aqui sua opinião sobre esse assunto




18:45 Neurilan Fraga é reeleito para comandar a AMM
18:45 Seis advogados disputam vaga de juiz titular do TRE
18:45 DEM se reúne com Mauro Mendes na próxima semana
18:44 Taques regulamenta mudanças no Prodeic
18:42 Governo define escalonamento até segunda-feira


18:14 Festa da literatura mato-grossense
17:52 MP pede reprovação das contas da deputada Janaína
17:52 BOA DISSONANTE
17:51 Juízes e delegados globalizados
17:50 Desserviço
Cuiabá
Min: 18°
Max: 36°

TOPO | PRIMEIRA PÁGINA | ÚLTIMAS NOTÍCIAS | POLÍTICA | ECONOMIA | CIDADES | POLÍCIA | ESPORTES
BRASIL | MUNDO | DC ILUSTRADO | CUIABÁ URGENTE | EDITORIAIS | ARTIGOS | AZUL | TEVÊ | E-MAIL
Diário de Cuiabá © 2018