Sexta feira, 22 de março de 2019 Edição nº 15023 21/07/2018  










INTERIOR DE MTAnterior | Índice | Próxima

Em 24 horas, três assassinatos

Da Reportagem

As últimas 24 horas foram marcadas pela violência em pelo menos três municípios de Mato Grosso. Em um dos casos, o dentista Guilherme José Mancuso, 41 anos, morreu na noite da última quinta-feira, no Bairro da Cavalhada, em Cáceres (215 quilômetros de Cuiabá), após ser atingido por três disparos de arma de fogo quando chegava na sua residência, durante uma suposta tentativa de assalto.

A vítima teria reagido e tentado fugir do local. Não está descartado que o crime tenha sido motivado por vingança. Testemunhas contaram à polícia que o dentista entrou em sua residência e foi seguido por uma motocicleta com o criminoso, que tinha o objetivo de pegá-lo já na garagem da casa.

Quando percebeu a ação, a vítima tentou dar ré na caminhonete Toyota Hilux para escapar. O bandido então atirou à queima roupa, através da janela do condutor. Conforme a imprensa local, no ano de 2013 a família do dentista foi alvo de uma quadrilha que roubava caminhonetes. Na ocasião, eles tiveram dois veículos roubados. Em 2014, após investigação da Polícia Civil, parte da quadrilha foi desarticulada e suspeitos foram presos.

Já em Rondonópolis (210 quilômetros da capital) o caminhoneiro Hemerson Garcia de Farias, 38, foi assassinado por uma dupla em motocicleta, com um tiro na nuca. O crime ocorreu ontem pela manhã, na Avenida Goiânia, no Bairro Buriti. Testemunhas relataram à polícia, que a vítima estacionou seu caminhão com caçamba basculante e quando desceu para conversar com dois homens que estavam numa moto, um deles sacou a arma e atirou contra a vítima.

Farias foi atingido com um tiro na nuca e morreu na hora. A PM fez rondas pela região, mas nenhum criminoso foi encontrado. As causas do assassinato são investigadas.

Outro caso ocorreu em Primavera do Leste (230 quilômetros da capital), onde o fazendeiro Mário César Geraldo, de 50 anos, foi assassinado com dez tiros na tarde de quinta-feira. Segundo as informações, um funcionário da vítima e duas netas sendo uma de 4 anos e outra de 15 estavam próximos, em caminhonete F-250.

De acordo com a Polícia Militar, dois homens aproximaram da vítima quando ela saía com o carro e foi baleada quando fechava o portão. Os criminosos teriam efetuados 15 disparos. Dez, acertaram o fazendeiro.

Ferido, ele entrou no carro e tentou dirigir em busca ajuda médica, mas não resistiu aos ferimentos e morreu a 15 metros da casa. A caminhonete parou ao bater em um poste. A informação é de que netas estão em estado de choque. Até o fim da manhã de ontem ninguém havia sido preso, mas a polícia já teria pistas dos criminosos.



Anterior | Índice | Próxima

Comentários Deixe aqui sua opinião sobre esse assunto




18:00
17:56 Juiz manda Taques apagar publicações no Facebook
17:50 Na TV, Taques volta a ironizar aliança DEM-MDB
17:47 Júlio e Bezerra rebatem Pedro Taques
17:46 Governo deve desbloquear R$ 666 milhões do Orçamento


17:46 Mauro diz que Taques quer ‘queirmar’ MDB
17:45 Ministro do STJ nega pedido a Lula
17:45 Programa de governo do PT prevê reforma do Judiciário
17:44 Geraldo Alckmin dá largada simbólica
17:44 Ciro lança candidatura e acena à esquerda
Cuiabá
Min: 18°
Max: 36°

TOPO | PRIMEIRA PÁGINA | ÚLTIMAS NOTÍCIAS | POLÍTICA | ECONOMIA | CIDADES | POLÍCIA | ESPORTES
BRASIL | MUNDO | DC ILUSTRADO | CUIABÁ URGENTE | EDITORIAIS | ARTIGOS | AZUL | TEVÊ | E-MAIL
Diário de Cuiabá © 2018