Sexta feira, 16 de novembro de 2018 Edição nº 15016 12/07/2018  










ARTICULAÇÕES - 2Anterior | Índice | Próxima

Fávaro próximo de levar o PSD para Mauro

Da Reportagem

O Partido Social Democrático (PSD) deve fazer parte da chapa majoritária encabeçada pelo ex-prefeito de Cuiabá Mauro Mendes (DEM). A legenda será representada pelo ex-vice-governador Carlos Fávaro, pré-candidato ao Senado Federal.

O social democrata estava disputando a preferência do grupo com o deputado federal Adilton Sachetti (PRB), que também já havia externado o seu interesse em disputar a eleição para o Senado. Isto porque, a outra vaga já pertence ao ex-governador Jayem Campos (DEM).

“Temos hoje duas vagas ao Senado apenas para fazer essa coligação partidária. Uma delas já está definida, é do nosso ex-governador Jayme Campos, que tem se mostrado muito bem nas pesquisas. A outra vaga está sendo disputada pelo Adilton Sachetti e Carlos Fávaro, mas o PSD tem demonstrado, nesta reta final, algumas definições que podem levar essa vaga par ao PSD”, revelou Mendes.

A preferência por Fávaro se dá por conta da musculatura de seu partido no que tange a tamanho e, principalmente tempo de TV. O democrata afirma que a composição é importante, tendo em vista o pouco tempo de campanha eleitoral.

Diante disso, afirma que pretende atrair o maior número de apoio possível, para não cometer o mesmo erro que cometei em 2010, quando disputou pela primeira vez o Governo do Estado.

“Em 2010 eu fui candidato ao Governo do Estado, e eu tinha um grupo pequeno de partidos. Por conta disso, só conseguimos fazer campanha em 64 municípios de Mato Grosso. Então, neste momento nós estamos trabalhando para ter tempo de televisão, e para ter capilaridade política para chegar nos 141 municípios”, justificou Mendes.

Como resultado desta movimentação, o governador Pedro Taques (PSDB) deu sinal verde para uma aproximação com Adilton Sachetti para ser candidato a senador em sua chapa, ao lado do também deputado federal Nilson Leitão (PSDB). Vale lembrar que, o tucano já havia convidado o parlamentar para ser vice em sua chapa rumo à reeleição.

No que diz respeito a vaga de vice, Mauro Mendes confirmou que a tendência é que ela fique, de fato, com o ex-prefeito de Lucas do Rio Verde Otaviano Pivetta (PDT).

“Temos bons nomes, não só pra vice, mas são nomes que poderiam ser governador e ocupar qualquer cargo na vida pública pela contribuição que já deram, pela capacidade que tem, e um desses nomes é sim o do Otaviano Pivetta, que já foi três vezes prefeito de Lucas do Rio Verde, já foi deputado estadual, tem uma grande contribuição, uma grande experiência, e essas experiências vivida no campo real da administração pública será muito importante pra enfrentar esse desafio que e pegar mato grosso nessas condições que vamos pegar a partir de 2019”, enfatizou.

O Democratas estava se programando para lançar, oficialmente, a pré-candidatura de Mendes ao Governo do Estado nesta semana. No entanto, as articulações para a composição da chapa fizeram com que o ato fosse adiado, tendo em vista a proximidade do período de convenção.

“Nós tínhamos a intenção de fazer essa semana, mas em função dessas articulações de bastidores, e por conta desse incidente que eu tive, preferimos adiar. Não estamos com pressa não, é importante dar passos firmes e seguros, estamos dialogando muito. O que vale é o resultado, o que vale é o dia das convenções, mas nós estamos caminhando firma para termos bons apoios, para termos boas condições de fazer campanha naqueles 45 dias que a legislação eleitoral permite, em Cuiabá na baixada e em todo o estado”, finalizou. (KA)



Anterior | Índice | Próxima

Comentários Deixe aqui sua opinião sobre esse assunto

· não é certo o que esse senhor favaro est  - Joaquim Onofre da Silva




17:49 Mauro Mendes admite que pode ter que taxar agronegócio
17:49 BOA DISSONANTE
17:48 É decisão na Arena
17:48 Assim é
17:48 II Jornada Mundial dos Pobres


17:48 Direito ao auxílio acidente
17:47 Violência infantil
17:43 Desembargador declara que juíza “agiu politicamente” em ação
17:42 Viana acusa colegas de receberem propina
17:42 Bolsonaro defende medidas amargas
Cuiabá
Min: 18°
Max: 36°

TOPO | PRIMEIRA PÁGINA | ÚLTIMAS NOTÍCIAS | POLÍTICA | ECONOMIA | CIDADES | POLÍCIA | ESPORTES
BRASIL | MUNDO | DC ILUSTRADO | CUIABÁ URGENTE | EDITORIAIS | ARTIGOS | AZUL | TEVÊ | E-MAIL
Diário de Cuiabá © 2018