Terça feira, 20 de agosto de 2019 Edição nº 14994 12/06/2018  










BERERÉAnterior | Índice | Próxima

STJ nega liberdade para irmão de Paulo Taques

Da Reportagem

Na tentativa de ganhar a liberdade, o advogado Pedro Jorge Taques sofreu mais uma derrota jurídica na manhã desta segunda-feira (11). O Superior Tribunal de Justiça (STJ) negou o pedido habeas corpus impetrado pelo jurista, que está preso no Centro de Custódia de Cuiabá há um mês.

A decisão foi proferida pela ministra Maria Thereza de Assis Moura, da 6ª Turma da Corte Superior. O pedido de liberdade havia sido protocolado no último dia 6.

Pedro Jorge Taques é irmão do ex-secretário-chefe da Casa Civil, Paulo Taques, que também está preso em razão das investigações oriundas da Operação Bereré.

Ambos são acusados de integrem uma organização criminosa que desviou cerca de R$ 30 milhões dos cofres públicos por meio de um contrato fraudulento firmado entre a EIG Mercados Ltda. e o Departamento Estadual de Trânsito (Detran).

Conforme as investigações, parte do dinheiro arrecadado pela empresa era destinado a pagamento de propina a políticos e integrantes do governo. O dinheiro era “lavado” pela Santos Treinamento – parceira da EIG no contrato - e por servidores da Assembleia, parentes e amigos dos investigados.



Anterior | Índice | Próxima

Comentários Deixe aqui sua opinião sobre esse assunto




19:29 BOA DISSONANTE
19:29 AL aprova contas de Taques
19:28 O papel do advogado criminalista?
19:27 Como combater o glaucoma?
19:27 A injusta distribuição tributária


19:26 Verde e amarelo
19:26 De convite
19:25
19:25 Psicóloga alcoólatra e solitária guia obra no topo da lista do New York Times
19:24 Comédias estão mais dramáticas, diz executiva da HBO
Cuiabá
Min: 18°
Max: 36°

TOPO | PRIMEIRA PÁGINA | ÚLTIMAS NOTÍCIAS | POLÍTICA | ECONOMIA | CIDADES | POLÍCIA | ESPORTES
BRASIL | MUNDO | DC ILUSTRADO | CUIABÁ URGENTE | EDITORIAIS | ARTIGOS | AZUL | TEVÊ | E-MAIL
Diário de Cuiabá © 2018