Quinta feira, 20 de junho de 2019 Edição nº 14994 12/06/2018  










CASA DOS HORRORESAnterior | Índice | Próxima

Vereador pede intervenção de prefeito

Da Reportagem

O vereador Ricardo Saad (PSDB) acredita que o prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) deva interferir na eleição da Mesa Diretora para garantir que o comando da Câmara de Cuiabá fique nas mãos dos vereadores de sua base governista.

Para o parlamentar tucano, o chefe do Executivo Municipal tem que reunir os apoiadores de sua gestão e cobrar que entrem num consenso quanto ao candidato à presidência.

Atualmente, a base do prefeito no Parlamento é composta por 18 vereadores. Este grupo, entretanto, está rachado no que se refere a eleição para escolha do novo presidente.

Enquanto parte apoia a reeleição de Justino Malheiros (PV), parte já declarou apoio ao vereador Misael Galvão (PSB), como é o caso do próprio líder do governo, vereador Lilo Pinheiro (PRB).

“Nós somos 18 considerados base do prefeito, então, o que o prefeito tinha que fazer era juntar os 18 para conversar, e falar para entrarem em um acordo ou arrumar uma terceira via. O vereador Renivaldo Nascimento fala que é candidato, porque sabe que vai chegar lá na frente e alguém vai ter que pôr o dedo na ferida. E se puser o dedo, provavelmente um vai ter que abrir mão. Agora, se ninguém quiser, a decisão fica lá de cima, com o prefeito. Já que tem uma base grande”, opinou Saad, ressaltando que tanto Justino quanto Misael são da base do prefeito.

Apesar de ter essa opinião, o tucano acredita que a eleição continuará polarizada entre os atuais pré-candidatos. Para ele, o máximo que pode acontecer é que o grupo liderado por Justino lance outro nome, tendo em vista os empecilhos judiciais.

“Se o Justino não for o candidato porque a lei impedir, um dos outros que estão ali com ele vai ser o candidato. O que eu não consigo entender é como que o prefeito tem 18 vereadores do seu lado, e deixa uma parte ficar do lado da oposição que quer matar ele a todo custo”, pontua Saad fazendo referência aos vereadores da base que estão apoiando a candidatura de Misael.

Isto porque, apesar de ser da situação, o socialista tem o apoio dos sete parlamentares que se dizem oposição ao prefeito. (KA)



Anterior | Índice | Próxima

Comentários Deixe aqui sua opinião sobre esse assunto




19:29 BOA DISSONANTE
19:29 AL aprova contas de Taques
19:28 O papel do advogado criminalista?
19:27 Como combater o glaucoma?
19:27 A injusta distribuição tributária


19:26 Verde e amarelo
19:26 De convite
19:25
19:25 Psicóloga alcoólatra e solitária guia obra no topo da lista do New York Times
19:24 Comédias estão mais dramáticas, diz executiva da HBO
Cuiabá
Min: 18°
Max: 36°

TOPO | PRIMEIRA PÁGINA | ÚLTIMAS NOTÍCIAS | POLÍTICA | ECONOMIA | CIDADES | POLÍCIA | ESPORTES
BRASIL | MUNDO | DC ILUSTRADO | CUIABÁ URGENTE | EDITORIAIS | ARTIGOS | AZUL | TEVÊ | E-MAIL
Diário de Cuiabá © 2018