Domingo, 17 de fevereiro de 2019 Edição nº 14978 17/05/2018  










PALAVRA DE DILMAAnterior | Índice | Próxima

Preso ou solto, Lula reconstrói país

Da FolhaPress – São Paulo

É importante que as eleições não sejam manipuladas, afirmou a ex-presidente petista Dilma Rousseff, em entrevista à rede britânica BBC, ontem, quando perguntada se os brasileiros aceitariam o resultado eleitoral em outubro sem o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, preso há um mês, no pleito.

"É importante que a população brasileira tenha convicção disso [da não manipulação]", disse Dilma. "Você não acha que houve um golpe no Brasil, eu acho que houve. E eu tenho mais experiência de golpe que o senhor", disse ao entrevistador Shaun Ley.

"Eu vivi um golpe da ditadura militar dentro de uma prisão. Eu sei a capacidade da elite brasileira de ser golpista. Há um processo no Brasil e ele tem que ser interrompido pelo bem dos brasileiros", afirmou a ex-presidente.

Para ela, quem pode ajudar a interromper esse processo e estabilizar as condições democráticas do país é Lula, que cumpre pena de 12 anos e um mês de prisão, pelos crimes de corrupção e lavagem de dinheiro no caso do tríplex de Guarujá (SP).

"Temos que restabelecer as condições democráticas, inclusive nas instituições. Eu acredito, de uma forma muito forte, que o presidente Lula pode ajudar nessa estabilização", disse Dilma. "Eu acredito em mais do que isso. Preso ou solto, condenado ou absolvido, ele será necessariamente uma presença na reconstrução do Brasil."

O petista também é a resposta para a divisão do país, que vai da "Suprema Corte ao local mais humilde", segundo Dilma.

"Lula é um conciliador, nunca foi uma pessoa radical que não soubesse construir consensos, nem tampouco criar pontes", disse, lembrando que o ex-presidente é criticado pelas alianças que fez para governar.



Anterior | Índice | Próxima

Comentários Deixe aqui sua opinião sobre esse assunto




18:52 MPE entra com nova ação contra Câmara de Cuiabá
18:52 Justino vai recorrer da decisão que proíbe reeleição
18:51 Governador diz que vai analisar decisão do TCE
18:49 Cinco deputados são suspeitos de receberem R$ 186,6 mil
18:49 Pedro Taques quer ler denúncia do MPE


17:46 PT: Lula é oportunidade para`se reencontrar a democracia
17:46
17:45 MDB vai lançar propostas para o país
17:45 Alckmin quer facilitar arma no campo
17:44 Justiça acata denúncia contra nove
Cuiabá
Min: 18°
Max: 36°

TOPO | PRIMEIRA PÁGINA | ÚLTIMAS NOTÍCIAS | POLÍTICA | ECONOMIA | CIDADES | POLÍCIA | ESPORTES
BRASIL | MUNDO | DC ILUSTRADO | CUIABÁ URGENTE | EDITORIAIS | ARTIGOS | AZUL | TEVÊ | E-MAIL
Diário de Cuiabá © 2018