Segunda feira, 24 de junho de 2019 Edição nº 14950 05/04/2018  










LIGAAnterior | Índice | Próxima

Barcelona goleia a Juventus no Camp Nou

Na próxima terça, quando as equipes se reencontrarem no Estádio Olímpico, o clube italiano precisará vencer por três gols de diferença para avançar

ARQUIVO
Mesmo não marcando nenhum gol, Messi teve boa participação no jogo em que o Barcelona goleou a Juventus por 4 a 1
Da Uol/Folhapress – São Paulo

Um desastre defensivo praticamente minou as chances de a Roma se classificar para a semifinal da Liga dos Campeões. No Camp Nou, ontem, o Barcelona venceu por 4 a 1 com direito a dois gols contra do time italiano, marcados por De Rossi e Manolas.

Na próxima terça, quando as equipes se reencontrarem no Estádio Olímpico, o clube italiano precisará vencer por três gols de diferença para avançar - em um cenário sem gols marcados pelo Barcelona. Se o time triunfar por 4 a 1, o duelo irá para a prorrogação.

PRESSÃO

A Roma foi pressionada durante todo primeiro tempo, mas deixou o gramado reclamando de dois pênaltis não marcados.

O lance mais polêmico aconteceu aos 39min de jogo - dois minutos após o primeiro gol do Barcelona. Pellegrini foi derrubado por Umtiti e o árbitro, Danny Makkelie, marcou falta fora da área. A transmissão, no entanto, mostrou que o toque começou dentro da área.

Aos 37min, Iniesta recuperou a bola e tabelou com Messi. Quando a bola ia chegar de volta para o argentino, Daniel de Rossi tentou fazer o corte e mandou para o fundo das próprias redes.

DESTAQUE

Os gols contra têm sido destaque ofensivo do Barcelona na Liga dos Campeões. Dos 14 tentos marcados na competição até aquele momento, quatro haviam sido feitos por jogadores das equipes rivais.

A Roma ainda fez mais um. Aos 11 minutos do segundo tempo, Rakitic cruzou e Manolas se esticou para evitar que ela chegasse em Umtiti. A bola bateu na trave, voltou no joelho e acabou dentro do gol.

MARCAÇÃO

Os gols desestabilizaram o time da Roma. Pouco depois, a marcação italiana se distraiu e deixou Suárez livre na esquerda. O uruguaio chutou, Alisson fez boa defesa, mas Piqué anotou o terceiro gol no rebote, aos 13min.

Dzeko diminuiu a desvantagem para a Roma, aos 34min, mas Suárez se beneficiou de nova falha da defesa para concretizar a goleada. Ele aproveitou corte malfeito de Fazio e concretizou a goleada aos 41 minutos.



BARCELONA

Ter Stegen; Semedo, Piqué, Umtiti, Alba; Busquets (Paulinho), Rakitic, Sergi Roberto (André Gomes), Iniesta (Denis Suárez); Messi, Luis Suárez. T.: Ernesto Valverde

ROMA

Alisson; Bruno Peres, Manolas, Fazio, Kolarov; De Rossi (Defrel), Pellegrini (Gonalons), Strootman; Florenzi (El Shaarawy), Perotti, Dzeko. T.: Eusebio Di Francesco

Estádio: Camp Nou, em Barcelona (ESP)

Juiz: Danny Makkelie (HOL)

Cartões amarelos: Kolarov e Strootman (Roma)

Gols: De Rossi (contra), aos 37min do primeiro tempo, Manolas (contra), aos 11min, Piqué, aos 13min, e Luis Suárez, aos 41min do segundo tempo (Barcelona); Dzeko, aos 34min do segundo tempo (Roma)



Anterior | Índice | Próxima

Comentários Deixe aqui sua opinião sobre esse assunto




10:13 Sindicalismo 4.0 e a revolução tecnológica
10:13 Emanuel querapoio do DEM
10:12 Desemprego
10:12 O grande protesto
10:11 Questão das armas


10:09 Dodge questiona vazamento e se manifesta contra Lula
10:09
10:06 Bolsonaro admite problemas na articulação política
10:05 PM amigo de Bolsonaro assume Secretaria-Geral
10:04 Guerra só tem mais 6 meses e pode gerar prejuízo de R$ 12 mi
Cuiabá
Min: 18°
Max: 36°

TOPO | PRIMEIRA PÁGINA | ÚLTIMAS NOTÍCIAS | POLÍTICA | ECONOMIA | CIDADES | POLÍCIA | ESPORTES
BRASIL | MUNDO | DC ILUSTRADO | CUIABÁ URGENTE | EDITORIAIS | ARTIGOS | AZUL | TEVÊ | E-MAIL
Diário de Cuiabá © 2018