Quarta feira, 17 de julho de 2019 Edição nº 14761 23/06/2017  










OPERAÇÃO SODOMAAnterior | Índice | Próxima

Ministério Público quer dólares de Pedro Nadaf

Da Reportagem

O Ministério Público Estadual (MPE) requereu que a quantia de US$ 2,3 mil dólares encontrado na casa do ex-secretário de Estado Pedro Nadaf durante mandado de busca e apreensão da primeira fase da Operação Sodoma seja considerado resultado de ações criminosas. Por isso, defende que a quantia seja entregue a Justiça para ressarcimento dos cofres públicos.

O dinheiro estava em posse da ex-esposa de Nadaf, a psicóloga Geiziane Antelo, que não conseguiu explicar a Delegacia Fazendária e ao Ministério Público a origem da quantia em dólares. A única alegação é que se tratava de uma quantia guardada em razão de uma viagem ao Exterior que já estava programada.

Em seu interrogatório, Geiziane Antelo disse que o dinheiro em dólares seria “troco” de viagens feitas aos Estados Unidos na qual estava acompanhada da filha.

O dinheiro ainda permanece apreendido e está sob a guarda da Gerência de Combate ao Crime Organizado (GCCO).

O pedido assinado pela promotora de Justiça Ana Cristina Bardusco sustenta que passagens aéreas de uma viagem de São Paulo a Punta Cana, na República Dominicana, utilizadas por Pedro Nadaf e Geiziane Antelo, foram pagas por meio da NBC Assessoria, Consultoria e Planejamento LTDA.

As investigações apontam que a empresa constituída por Pedro Nadaf servia para lavar dinheiro arrecadado por meio de propinas recebidas durante a gestão do ex-governador Silval Barbosa (PMDB).

Após ser acusado de integrar uma organização criminosa que cobrava propinas para conceder incentivos fiscais a empresas privadas, Nadaf confessou espontaneamente seus crimes. (RC)



Anterior | Índice | Próxima

Comentários Deixe aqui sua opinião sobre esse assunto

· Par relembra vou citar um texto bem anti  - Urbano Ribeiro dos Reis




18:29 MPE abre ação para retirar pensão da sogra de Riva
18:28 “Projeto reduz incentivos e não aumenta impostos ao cidadão”, garante Governo
18:27 MPE apura doação à PM de placa para escutas
18:27 Votação do projeto dos incentivos é adiada
18:26 AL pode criar CPI para caso dos grampos


18:25 Cabo acusa Gaeco de usar grampos ilegais
18:25 Defesa de Zaqueu quer colaboração premiada unilateral
18:23 Polícia combate comércio irregular de peças de automóveis
18:23 Segurança cumpre mandados dentro do Presídio Ferrugem
18:22 Polícia resgata criança subtraída e ameaçada pelo pai
Cuiabá
Min: 18°
Max: 36°

TOPO | PRIMEIRA PÁGINA | ÚLTIMAS NOTÍCIAS | POLÍTICA | ECONOMIA | CIDADES | POLÍCIA | ESPORTES
BRASIL | MUNDO | DC ILUSTRADO | CUIABÁ URGENTE | EDITORIAIS | ARTIGOS | AZUL | TEVÊ | E-MAIL
Diário de Cuiabá © 2018