Terça feira, 27 de junho de 2017 Edição nº 14757 17/06/2017  










Anterior | Índice | Próxima

Taques confia que não perderá PSB

PABLO RODRIGO
Da Reportagem

O governador Pedro Taques (PSDB) disse confiar nos quadros do PSB e acredita que não perderá o apoio dos quatro deputados estaduais e dois deputados federais por conta filiação do deputado federal Valtenir Pereira, que passou a comandar a sigla em Mato Grosso, com o total aval da direção nacional do PSB. "Confio nos deputados do PSB, que têm nos ajudando a governar", disse o tucano nesta sexta-feira (16).

Taques diz que confia na lealdade dos parlamentares, mesmo com a ameaça de uma mudança de postura do PSB, agora sob o comando de Valternir, ex-peemedebista. Para ele, os deputados federais e estaduais têm o mesmo objetivo, que é ajudar Mato grosso.

"Independente de partido, são pessoas leais, compromissadas com o nosso Estado. Repito: confio nos companheiros que hoje estão no PSB", afirmou.

Com a nomeação de Valter para a presidência do PSB, crescem as incertezas dentro da sigla. Valternir, mesmo com apoio da Executiva Nacional, deve enfrentar oposição interna. E a legenda pode sofrer uma verdadeira debandada.

Nomes como os dos deputados estaduais Eduardo Botelho, Oscar Bezerra, Mauro Savi e Max Russi (que se encontra licenciado para comandar a Secretaria de Trabalho e Assistência Social) e dos deputados federais Fábio Garcia e Adilton Sachetti podem deixar a sigla.

E neste cenário de esvaziamento, Taques garante que a relação entre governo e PSB mudará completamente. "Se esses que estão hoje saírem, a relação do nosso governo com os novos [filiados] será com certeza outra, a meu gosto e determinação", promete o chefe do Palácio Paiaguás.

Atualmente o PSB ocupa duas secretarias no governo tucano. Max Russi na Setas e Suelme Evangelista na Secretaria de Agricultura Familiar e Regularização Fundiária (Seaf), além de Leonardo Oliveira na Secretaria-adjunta de Esportes ligada á Seduc.

Outros nomes que também atuaram na gestão do PSB a frente da prefeitura de Cuiabá com Mauro Mendes (PSB) também foram aproveitados por Taques como Thiago França, Alan Porto, João Batista, Kleber Lima e o ex-vereador Onofre Júnior que assumiu o PROCON do Estado.

Valtenir Pereira retornou ao PSB na última quarta-feira (14). Com a filiação, o parlamentar assumiu também a presidência do Partido Socialista em Mato Grosso.



Anterior | Índice | Próxima

Comentários Deixe aqui sua opinião sobre esse assunto




19:34 Dólar sobe com cautela após denúncia contra Michel Temer
19:33 Missão do Mapa vai aos EUA no início do próximo mês
19:33 Prazo para saques termina no dia 30
19:33 Situação fiscal segue 'gravíssima'
19:32 Inadimplência em MT supera a nacional


19:31 Governador diz que coronéis cometeram um “crime grave”
19:31 Juiz federal manda arquivar investigação contra Mauro Mendes
19:31 Insatisfeitos do partido vão aguardar até março, diz Bezerra
19:31 Prefeitura antecipa pagamento dos salários para esta quinta
19:30 Juiz manda soltar dois oficiais da Polícia Militar
Cuiabá
Min: 18°
Max: 36°

TOPO | PRIMEIRA PÁGINA | ÚLTIMAS NOTÍCIAS | POLÍTICA | ECONOMIA | CIDADES | POLÍCIA | ESPORTES
BRASIL | MUNDO | DC ILUSTRADO | CUIABÁ URGENTE | EDITORIAIS | ARTIGOS | AZUL | TEVÊ | E-MAIL
Diário de Cuiabá © 2015