Sexta feira, 23 de agosto de 2019 Edição nº 14754 13/06/2017  










APOSENTADORIAAnterior | Índice | Próxima

Buffon diz que só jogará até 2019 se Juventus vencer Liga

Da agência Estado – São Paulo

O goleiro Gianluigi Buffon afirmou ontem que pretende se aposentar ao fim da próxima temporada europeia. Mas fez uma importante ressalva. Poderá jogar ainda mais um ano se a Juventus se faturar o título da próxima edição da Liga dos Campeões, troféu que o veterano ainda não tem na sua vitoriosa carreira.

"Se a Juventus vencer a Liga dos Campeões, eu continuaria jogando por mais uma temporada para tentar levar também o Mundial de Clubes e outros troféus", afirmou o goleiro de 39 anos, em entrevista ao canal italiana Sky Sport.

Buffon foi vice-campeão da Liga dos Campeões com a Juventus, no início do mês. A equipe italiana foi goleada por 4 a 1 pelo Real Madrid, em Cardiff, no País de Gales. Foi a terceira vez que o goleiro deixou uma final da competição sem o troféu.

Caso a Juventus não chegue ao título da Liga na próxima temporada, que terá início em agosto, Buffon vai pendurar as chuteiras após a Copa do Mundo da Rússia, entre junho e julho do próximo ano. Isso, claro, se a Itália confirmar a vaga nas Eliminatórias.

"Há 99,9% de chance de eu me aposentar depois do Mundial, mas há um acordo com o presidente [da Juventus, Andrea] Agnelli. Foi um pedido dele. Se acontecer algo em particular, eu poderia adiar um ano a minha aposentadoria", disse Buffon, referindo-se ao eventual título da Liga dos Campeões.

Com a camisa da Juventus, Buffon acumula oito títulos do Campeonato Italiano, entre outros títulos. Em 2006, foi campeão do mundo pela Itália, na Copa da Alemanha.



Anterior | Índice | Próxima

Comentários Deixe aqui sua opinião sobre esse assunto




19:31 Mauro "pede a Deus" por empréstimo
19:31 BOA DISSONANTE
19:30 Incentivos fiscais: novos tempos!
19:29 Preservação
19:29 60 anos da Rádio Difusora Bom Jesus


19:28 Lista da privatização
19:28 Desserviço
19:27 Livro dribla melodrama com personagem que usa sono para superar luto
19:27
19:26 Raul Seixas persiste 30 anos após morte
Cuiabá
Min: 18°
Max: 36°

TOPO | PRIMEIRA PÁGINA | ÚLTIMAS NOTÍCIAS | POLÍTICA | ECONOMIA | CIDADES | POLÍCIA | ESPORTES
BRASIL | MUNDO | DC ILUSTRADO | CUIABÁ URGENTE | EDITORIAIS | ARTIGOS | AZUL | TEVÊ | E-MAIL
Diário de Cuiabá © 2018