Sexta feira, 24 de maio de 2019 Edição nº 14746 01/06/2017  










BR-070Anterior | Índice | Próxima

Polícia prende nove indígenas que estavam cobrando pedágio em rodovia

Da Reportagem

Operação integrada entre as Forças de Segurança Pública resultou na prisão de nove indígenas, que vinham cobrando pedágio de motoristas, em pontos distintos da BR-070, entre as cidades de General Carneiro e Primavera do Leste (440 quilômetros a leste e 230 km ao sul de Cuiabá, respectivamente).

A ação contou com a Polícia Rodoviária Federal (PRF) de Barra do Garças, a Polícia Civil, através do GARRA, Polícia Federal (PF) e Força Tática da Polícia Militar. De acordo com a PRF, há informação de que os pedágios vinham ocorrendo com frequência diária desde o dia 28 de abril deste ano. Os índios da etnia bororo não foram identificados por estarem sem documentos.

Para fazer a cobrança, os indígenas bloqueiam a rodovia com troncos e galhos de árvores e, por meio de ameaça, exigem o pagamento em dinheiro dos usuários para a passagem. Somente na última terça-feira (30), foram identificadas cinco vítimas, que foram extorquidas pelos indígenas, sendo que há dezenas de boletins de ocorrências (BO) de outras pessoas que passaram pelo mesmo problema.

Armas artesanais como arcos, flechas e demais apetrechos também eram utilizados para intimidar os motoristas e foram apreendidos. Segundo informações da PRF, em apenas um pedágio os indígenas arrecadaram a quantia de R$ 3,2 mil. Todo o material ficou à disposição da Polícia Federal (PF), para onde também foram encaminhadas as vítimas para depoimento e devida qualificação dos envolvidos.

Por meio da ação conjunta, as Forças Policiais mostraram a presença do Estado e atenderam o anseio da sociedade que utiliza aquela importante rodovia, sendo inclusive aplaudidos pelos usuários da via, informou a assessoria.

Em manifestação recente, o Sindicato das Empresas de Transporte de Cargas de Mato Grosso (Sindmat), ameaçou suspender o transporte de cargas para a região, em decorrência da insegurança que os pedágios vinham trazendo para os motoristas, que se sentiam coagidos e ameaçados.

Conforme a PRF, pela legislação é considerada extorsão "constranger alguém, mediante violência ou grave ameaça e com o intuito de obter para si ou para outrem indevida vantagem econômica, a fazer, tolerar que se faça ou deixar de fazer alguma coisa". (JD)



Anterior | Índice | Próxima

Comentários Deixe aqui sua opinião sobre esse assunto

· Cumprimentos a Policia Rodoviaria Federa  - acir carlos ochove




19:55 Taques descarta exonerar secretários
19:55 Governo conclui hoje pagamento dos repasses
19:55 José Riva sofre nova condenação
19:55 Maggi defende uso do Fethab por curto tempo
19:54 Nova regra muda Cadastro Ambiental em Mato Grosso


19:54 MPE e MPF rebatem Governo Estadual
19:54 Taques admite mudanças em acordo
19:54 Comerciantes da FEB não perdem esperança
19:52 Receita cresce com melhora sobre preços internacionais
19:52 Endividamento do cuiabano registrou 5ª queda seguida
Cuiabá
Min: 18°
Max: 36°

TOPO | PRIMEIRA PÁGINA | ÚLTIMAS NOTÍCIAS | POLÍTICA | ECONOMIA | CIDADES | POLÍCIA | ESPORTES
BRASIL | MUNDO | DC ILUSTRADO | CUIABÁ URGENTE | EDITORIAIS | ARTIGOS | AZUL | TEVÊ | E-MAIL
Diário de Cuiabá © 2018