Segunda feira, 16 de setembro de 2019 Edição nº 14739 23/05/2017  










VÁRZEA GRANDEAnterior | Índice | Próxima

Justiça marca audiência de Walace Guimarães contra Jayme

Da Reportagem

O juiz da 2ª Vara Cível da Comarca de Várzea Grande, André Maurício Lopes Prioli, designou para o dia 19 de setembro uma audiência de conciliação do secretário de Assuntos Estratégicos, Jayme Campos (DEM), com o ex-prefeito do município, Walace Guimarães (PMDB).

A audiência servirá para uma tentativa de acordo de ambos diante de uma ação de indenização por dano moral que o peemedebista move após ser chamado em discurso de líder do PCC (Primeiro Comando da Capital) e cobrador de propina. O pedido de indenização por dano moral é do valor de R$ 650 mil.

O ex-prefeito Walace Guimarães alega que Jayme Campos fez propagação pública de ofensas a sua pessoa.

O discurso em questão foi feito em julho de 2015 durante o lançamento das obras de reforma e ampliação do Pronto-Socorro Municipal de Várzea Grande.

“O que havia aqui era uma verdadeira facção criminosa, que estava instalada na Prefeitura. Era o PCC de Várzea Grande”, disse Campos.

No evento, estava presente o governador Pedro Taques (PSDB).

“Ressalta-se na exordial, o intuito politiqueiro e destrutivo do requerido em dar boa aparência à gestão de sua esposa (Lucimar Campos) e degradar imagem do requerente (Walace) propagando inverdades sobre a gestão passada sem qualquer meio probatório que sustente suas alegações, quanto tudo ainda esta sob a roga de auditorias”, diz um dos trechos do pedido protocolado pelo ex-prefeito Walace Guimarães.

O peemedebista ainda requer que Jayme Campos seja impedido de propagar informações, acusações, mentiras, ou, outras falas que venham a denegrir a imagem e a honra do peemedebista.

Ainda é solicitada a retirada de matérias jornalistas, de sites, que estariam veiculadas informações falsas, acusatórias, caluniosas, difamatórias e injuriosas propagadas pelo democrata.

Além disso, requer uma indenização por dano moral de R$ 650 mil.

O juiz André Maurício Lopes Prioli chegou a conceder liminar em favor do ex-prefeito na qual estipulou o pagamento de multa de R$ 500 reais para cada ofensa o Jaime contra Walace, porém, negou a retirada das matérias jornalísticas.



Anterior | Índice | Próxima

Comentários Deixe aqui sua opinião sobre esse assunto




19:56 Prévia da inflação registra menor acumulado em 12 meses
19:55 Meirelles reafirma crescimento
19:55 Boatos e especulações sobre a JBS lesam mercado estadual
19:55 "Estou com agenda ativa e reuniões intensas"
19:54 MT inicia colheita da sua ‘safrona’


19:54 Empresários demonstravam otimismo
19:35 Mil telefones foram grampeados, diz juiz.
19:35 TJ mantém Sérgio Ricardo afastado
19:35 Em nota, governo reafirma apoio às investigações
19:28 Irmãos Batista temiam ser presos em MT
Cuiabá
Min: 18°
Max: 36°

TOPO | PRIMEIRA PÁGINA | ÚLTIMAS NOTÍCIAS | POLÍTICA | ECONOMIA | CIDADES | POLÍCIA | ESPORTES
BRASIL | MUNDO | DC ILUSTRADO | CUIABÁ URGENTE | EDITORIAIS | ARTIGOS | AZUL | TEVÊ | E-MAIL
Diário de Cuiabá © 2018