Quinta feira, 23 de maio de 2019 Edição nº 14726 04/05/2017  










GRANDE CUIABÁAnterior | Índice | Próxima

Mais de 3 mil pessoas são vítimas de assalto este ano

WILLIAN SILVA
Da Reportagem

Pelo menos 3.426 pessoas foram vítimas de assaltos nos primeiros três meses deste ano na Grande Cuiabá. Uma média de quase 40 roubos por dia em Cuiabá e Várzea Grande. Foi na Capital, onde ocorreram mais 60% dos casos, mantendo Cuiabá como a cidade mais violenta em Mato Grosso.

A Capital registrou o maior número de crimes neste trimestre, 2.168 casos, equivalente a quase 63% de todos os registros da Grande Cuiabá. Uma média de 24 assaltos por dia e de pelo menos um assalto por hora.

Em Várzea Grande a Polícia Civil contabilizou 1.258 roubos, 37% dos casos registrados na Grande Cuiabá. Um desses crimes ocorreu à residência de uma família no bairro Costa Verde, em março. Neste caso, três assaltantes invadiram a casa um dia depois de mandar envenenar o cachorro que ajudava na segurança do local.

A família contou aos investigadores da Delegacia de Roubos e Furtos de Várzea Grande (Derf), que os assaltantes estavam armados e foram extremamente violentos, ameaçando as vítimas, de morte com arma de fogo. Ao final, os suspeitos fugiram levando dois veículos, Toyota Hillux e Fiat Strada, além de pertences pessoais.

A delegada de Roubos e Furtos, Jannira Laranjeira disse que as vítimas contaram que foram ameaçadas pelos suspeitos. Os criminosos teriam falado que caso a família registrasse boletim de ocorrência, ele voltariam.

Após o crime, as investigações sobre o caso foram iniciadas pela Delegacia de Roubos e Furtos da cidade e 12 dias depois do assalto, dois dos suspeitos foram presos. Os assaltantes, Alexandre Fernandes da Silva, o ‘Mãozinha’, e Rafael Magalhães da Costa, 26 anos, o ‘Rafinha’ foram presos mediante mandado de prisão expedido pela justiça de Várzea Grande.

Os dados de roubos são da secretária de Estado de Segurança Pública (Sesp) e referem a 2.996 roubos, à pessoa, residência e comércio, e 430 roubos de veículos.

A Sesp informou que está realizando ações para a redução de crimes em Mato Grosso, e que se comparar os casos deste trimestre com relação ao mesmo período do ano passado, houve uma redução de quase 32%.



Anterior | Índice | Próxima

Comentários Deixe aqui sua opinião sobre esse assunto




19:39 Data deve injetar cerca de R$ 14 bilhões na economia
19:39 Pecuaristas cobram reinvestimentos
19:38 Potencial mato-grossense é de R$ 67 bi
19:38 Uso do ‘correntão’ segue autorizado
19:38 Classe ‘B’ vai segurar consumo já interiorizado


19:09 Decisão dispensa aval da AL para afastar governadores
19:08 Lava Jato agora quer abrir 'caixa preta' da repatriação
19:08 Tribunal cassar governador e vice-governador do Amazonas
19:07 Lula não precisará comparece às audiências
19:07 Abaixo-assinado pede impeachment
Cuiabá
Min: 18°
Max: 36°

TOPO | PRIMEIRA PÁGINA | ÚLTIMAS NOTÍCIAS | POLÍTICA | ECONOMIA | CIDADES | POLÍCIA | ESPORTES
BRASIL | MUNDO | DC ILUSTRADO | CUIABÁ URGENTE | EDITORIAIS | ARTIGOS | AZUL | TEVÊ | E-MAIL
Diário de Cuiabá © 2018