Segunda feira, 27 de maio de 2019 Edição nº 14726 04/05/2017  










COPA VERDEAnterior | Índice | Próxima

Luverdense pega o Paysandu hoje na Arena

Para este jogo decisivo o técnico do Luverdense, Junior Rocha, não poderá contar com o atacante Rafael Silva, entregue ao Departamento Médico com lesão muscular.

ADMAR PORTUGAL
Da Reportagem

Luverdense e Paysandu (PA) se enfrentam às 19h30 desta quinta-feira na Arena Pantanal, no jogo de ida da final da Copa Verde. O jogo de volta está marcado para o dia 16 de maio, uma terça-feira, no estádio Mangueirão, em Belém do Pará. Para o jogo decisivo desta noite o técnico do Luverdense, Junior Rocha não poderá contar com o atacante Rafael Silva, entregue ao departamento médico com lesão muscular.

Após eliminação da final do Campeonato Mato-grossense no dia 30, quando foi superado pelo Cuiabá na decisão dos penaltis, Junior Rocha ganhou 10 dias para ajustar a equipe para o embate desta noite. Ele não confirmou o time que deve começar jogando, mas tudo indica que a provável equipe que deve começar jogando é: Diogo Silva; Aderlan, Negueti, Dalton e Paulinho; Ricardo, Kazu, Erick e Marcos Aurélio; Douglas Baggio e Macena.

“O time está definido para o jogo contra o Paysandu, tenho algumas dúvidas, mas são só minhas e que não vai alterar o esquema tático que trabalhamos nesses dias. O mando de campo é nosso e em virtude disso precisamos jogar focado em um só objetivo, que é a vitória”, frisou. Junior Rocha disse que o fato de jogar na Arena Pantanal praticamente elimina o fator casa, mas entende que as dificuldades serão superadas nos primeiros minutos de jogo.

Um dos principais atacantes do representante de Mato Grosso no nacional, o atacante Marcos Aurélio, disse que ambos os times entram em campo em igualdade e que sua equipe por jogar aqui no estado tem a obrigação de vencer. “Sabemos que não vamos encontrar facilidades, mas desde o começo da competição foi só jogo decisivo e este de quinta-feira não será diferente’, argumentou o atacante”.

PAYSANDU

No Paysandu, o técnico Marcelo Chamusca deve manter a mesma equipe que vem atuando e a provável equipe é: Emerson; Ayrton, Perema, Gilvan, Hayner; Wesley, Augusto Recife e Diogo Oliveira; Leandro Carvalho, Alfredo e Bergson. O treinador dispensa todo favoritismo ao time da casa e prega a humildade. “Vamos procurara dificultar as coisas para o adversário e trabalhar duro para sairmos com um resultado positivo nestes 90 minutos de jogo”, destacou. O árbitro da partida é Savio Pereira Sampaio auxiliados pelos bandeiras José Reinaldo Nascimento Junior e Leila Naiara Moreira da Cruz, todos do Distrito Federal. Marcelo Alves dos Santos é o árbitro suplente.

Os ingressos para o jogo desta noite custam 20 reais inteira e de 10 reais a meia-entrada. O torcedor poderá adquirir as entradas nas bilheterias do ginásio Aecim Tocantins das 8h às 19h. Em Várzea Grande, os ingressos serão comercializados na Casa dos Esportes Várzea-grandense, na Couto Magalhães, no Centro.



Anterior | Índice | Próxima

Comentários Deixe aqui sua opinião sobre esse assunto




19:39 Data deve injetar cerca de R$ 14 bilhões na economia
19:39 Pecuaristas cobram reinvestimentos
19:38 Potencial mato-grossense é de R$ 67 bi
19:38 Uso do ‘correntão’ segue autorizado
19:38 Classe ‘B’ vai segurar consumo já interiorizado


19:09 Decisão dispensa aval da AL para afastar governadores
19:08 Lava Jato agora quer abrir 'caixa preta' da repatriação
19:08 Tribunal cassar governador e vice-governador do Amazonas
19:07 Lula não precisará comparece às audiências
19:07 Abaixo-assinado pede impeachment
Cuiabá
Min: 18°
Max: 36°

TOPO | PRIMEIRA PÁGINA | ÚLTIMAS NOTÍCIAS | POLÍTICA | ECONOMIA | CIDADES | POLÍCIA | ESPORTES
BRASIL | MUNDO | DC ILUSTRADO | CUIABÁ URGENTE | EDITORIAIS | ARTIGOS | AZUL | TEVÊ | E-MAIL
Diário de Cuiabá © 2018