Sábado, 24 de fevereiro de 2018 Edição nº 13790 09/01/2014  










Anterior | Índice | Próxima

Versão dos PMs será conferida em gravação

Da Reportagem

A Polícia Militar informou que o 1º Comando Regional abriu um Inquérito Policial Militar para analisar e apurar todas as circunstâncias dos fatos que culminaram na morte do jovem surdo Ademar Silva de Oliveira, de 19 anos. Os policiais serão afastados das funções de patrulhamento nas ruas até que tudo seja esclarecido. São investigados três policiais incluindo o sargento PM que confessou ter atirado.

A favor dos policiais pesa a informação de que foram acionados pelo Ciosp informando de que iriam abordar um suspeito armado com “arma de fogo” – que poderia ser um revólver ou uma pistola, o que levou o policial a atirar.

Diante da afirmação dos PMs, policiais da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa deverão solicitar a gravação do Ciosp para confirmar a versão dos PMs.

Segundo o comandante do 1º Comando Regional da Capital coronel Jadir Metelo da Costa, a informação que chega aos policiais é fundamental, uma vez que eles saem para atender a ocorrência conforme o solicitado.

“Na hora, é muito complicado, pois trata-se de uma abordagem numa pessoa armada com arma de fogo, passível de reação de atirar nos policiais. Agora, abordar alguém armado com uma faca é outra situação”, ressaltou. (AR)



Anterior | Índice | Próxima

Comentários Deixe aqui sua opinião sobre esse assunto




19:39 Desembargadores evitam diálogo com Taques
19:39 STF quebra sigilo bancário da empresa de Carlos Avalone
19:39 Silval diz que foi vítima de extorsão
19:34 24 sábado Lula critica o juiz Sérgio Moro
19:34 BOA DISSONANTE


19:16 Bitcoins e sua regulamentação
19:16 Luis-Philippe, oráculo cuiabano
19:15 De edição
19:15 Corporativismo exacerbado
19:14 Sistema de segurança falida
Cuiabá
Min: 18°
Max: 36°

TOPO | PRIMEIRA PÁGINA | ÚLTIMAS NOTÍCIAS | POLÍTICA | ECONOMIA | CIDADES | POLÍCIA | ESPORTES
BRASIL | MUNDO | DC ILUSTRADO | CUIABÁ URGENTE | EDITORIAIS | ARTIGOS | AZUL | TEVÊ | E-MAIL
Diário de Cuiabá © 2018