Terça feira, 31 de março de 2015










OUTROS MEIOS 04/06/2013 15:56Anterior | Índice | Próxima

Estratégias lúdicas auxiliam na alfabetização em escolas públicas

Da Reportagem

Um tapete e um avental e contadores de histórias são algumas das estratégias lúdicas a serem implementadas pelos professores do 1º Ciclo de Formação Humana no processo de alfabetização nas escolas públicas mato-grossenses.

Esses instrumentos, confeccionados por 125 orientadores que participam da formação pelo Pacto Nacional pela Alfabetização, estimulam o desenvolvimento infantil, ao mesmo tempo em que motivam a curiosidade da criançada, reforçando a autoconfiança e criatividade.

Segundo a supervisora do Pacto pela Alfabetização em MT, Anabel Beatriz de Col, “coletivamente construímos o tapete e um avental para a contação de histórias empregando feltro, bordados, elementos simples e que mexem com imaginário para que os clássicos da literatura infantil sejam contados e recontados”.

Para a orientadora de estudos do município de Conquista do Oeste, Andria Leila Farias, o professor necessita implementar o lúdico a rotina de atividades. “O Pacto possibilita o acesso a muitos materiais que já estão chegando a nossa escola. O lúdico é fundamental para o processo de aprendizagem nessa idade”.

Na opinião de Andria, os investimentos nos processos formativos, assim como na aquisição de materiais didáticos, só poderão resultar em práticas exitosas. “Todos os professores estão determinados e as crianças mais animadas com as novas práticas disponibilizadas”, finalizou.

Em Mato Grosso, o Pacto Nacional pela Alfabetização garante o atendimento a 155 mil estudantes no Estado e terá mais três etapas formativas destinadas aos orientadores de estudos, que replicam os conhecimentos adquiridos aos professores da rede estadual e municipal.

O último encontro foi realizado em Rondonópolis e reuniu orientadores de estudos de 63 municípios. A próxima etapa de Rondonópolis será realizada de 3 a 5 de julho, no Centro de Formação e Atualização dos Profissionais da Educação (Cefapro). (Patrícia Neves/Seduc-MT)



Anterior | Índice | Próxima

Comentários Deixe aqui sua opinião sobre esse assunto

12:54 Multas de ex-gestores são afastadas em julgamento de recurso de RPPs
12:43 Central de Abastecimento já está apta para receber permissionários
12:32 Assinado TCT com Sema para se habilitar à descentralização ambiental
12:21 Projeto que trata do Sistema Penitenciário é entregue ao coordenador
12:10 TCE-MT dá provimento parcial a recurso movido por ex-presidente da Câmara


11:59 Cinco atletas estrangeiros disputam a 29ª Corrida Bom Jesus de Cuiabá
11:48 Governador Pedro Taques viaja a Portugal para ministrar palestra
11:37 Feira de Oportunidades movimenta o bairro Osmar Cabral
11:26 Mauro Mendes mostra qualidade de obras em unidades de ensino
11:15 Tribunal de Contas de Mato Grosso julga 43 processos na sessão plenária
Cuiabá
Min: 18°
Max: 36°

TOPO | PRIMEIRA PÁGINA | ÚLTIMAS NOTÍCIAS | POLÍTICA | ECONOMIA | CIDADES | POLÍCIA | ESPORTES
BRASIL | MUNDO | DC ILUSTRADO | CUIABÁ URGENTE | EDITORIAIS | ARTIGOS | AZUL | TEVÊ | E-MAIL
Diário de Cuiabá © 2015