Terça feira, 25 de novembro de 2014 Edição nº 13208 12/01/2012  










TRABALHOAnterior | Índice | Próxima

Desperdício de vagas

Desempregados de Mato Grosso estão desperdiçando a chance de trabalhar em empresas como a Brasil Foods


Fábrica da Sadia, do Grupo Brasil Foods: trabalhadores de Mato Grosso estão desperdiçando vagas
ALECY ALVES
Da Reportagem

Por falta de mão de obra em Mato Grosso, o grupo Brasil Foods, que reúne a Sadia e Perdigão, está contratando 2 mil trabalhadores nos estados do Norte e Nordeste para as unidades de Várzea Grande, Campo Verde, Lucas do Rio Verde e Nova Mutum.

O anúncio das contratações tem levado à formação de longas filas no Sine (Sistema Nacional de Emprego) de Teresina, capital do Piauí, uma cidade que fica a 2.910 quilômetros da capital mato-grossense.

Ontem, primeiro dia das inscrições, o número de candidatos às vagas foi tão grande que o assunto chamou a atenção da imprensa local. Nas primeiras quatro horas, até o final da manhã mais de 500 pessoas já haviam se candidatado formalmente.

Talvez os salários e a possibilidade de ingresso no mercado de trabalho sem a tradicional e incômoda exigência de comprovação de experiência profissional anterior expliquem a corrida.

De acordo com informações levantadas pelo Diário, o Brasil Foods está recrutando mulheres e homens com idade entre 18 e 45 anos para diversas funções, oferecendo salários que variam de R$ 1,2 mil a 2 mil e não exige experiência.

Oferece ainda moradia e escola para os filhos dos funcionários. E se o casal tiver filhos com idade superior a cinco anos, há a possibilidade de contratação de ambos.

O grupo BRF, por meio da assessoria de imprensa, informou que as novas contratações são para preencher vagas dos trabalhadores que normalmente deixam a empresa, e atender aos setores que estão em expansão em todas as unidades de Mato Grosso.

Porém, as contratações não serão imediatas. Os candidatos selecionados serão chamados ao longo de 2012, na medida em que as necessidades forem se apresentando.

Conforme a assessoria da empresa, essa não é a primeira vez que o grupo recorre aos estados do Norte e Nordeste para trazer trabalhadores para Mato Grosso.

Em resposta ao questionamento sobre por que não anunciou as vagas no nas unidades do Sine de Mato Grosso, a assessoria informa que a oferta de vagas na indústria de alimentos é superior à busca pelo emprego.

O presidente do Sindicato dos Trabalhadores da Indústria de Alimentos, Sidney Aparecido Rodrigues Amorim, disse que desconhecia a abertura desse grande número de vagas no setor.

Entretanto, não ficou surpreso com a contratação em outros estados. De acordo com Amorim, a Sadia de Lucas do Rio Verde, por exemplo, com mais de 7 mil funcionários, traz tantos trabalhadores de outros estados que está até construindo uma vila exclusiva para atendê-los.



Anterior | Índice | Próxima

Comentários Deixe aqui sua opinião sobre esse assunto

· Gostaria de saber quais as oportunidades  - Moisés R. Silva
· Gostaria de saber quais as oportunidades  - Moisés R. Silva
· quase eu caía nessa história desiste em   - jcv
· Essa BRF, gostam mesmo de enganar os nor  - Ex Funcionária da BRF
· tenho enterece neste trabalho que voces   - vilma
· Estão recrutando pessoas aqui na Casa do  - Laila Mendonça
· Também quero ir nessa!  - Darlene do Carmo
· Se for verdade e se estivessem recrutand  - Darlene do Carmo
· que diabos é isso essa porra é verdade o  - Rosalia
· é pura mentira a empresa é muinto rim o   - natalino
· eu nao sei em quem acreditar agora nao s  - lidiane
· Eu to a dias procurando uma vaga nesta e  - Bruno gomes silva
· Olha amigos de MT eu estou indo trabalha  - Lucivaldo
· Estas empresas estão fazendo o que quer   - José Santana de Souza
· O Governo do Estado, Ministério do Traba  - Zé Lapada
· Isto é uma tremenda mentira, tem muita g  - ZÉ LAPADA
· esta gente vem pra cá, pois, Mato grosso  - jorge
· Muito estranho,eu ja trabalhei no grupo   - Paulo Roberto
· Cuidado Nordestinos!!! Depois nâo recla  - Lua
· Sei como funciona isto..ja trabalhei em   - Renato
· Em outro lugar os produtos dessa empresa  - Maria Silva
· É um absurdo!! Atenção governo do Estado  - Maria Silva
· Estranho, também nunca ouvi falar destas  - Anaides
· o senhor se faz de inocente pois a sadia  - alex santana
· Realmente eu não consegui ler está notic  - Residente em Cuiabá
· com tanta gente desempregada á procura d  - lukas
· Estranho como por aqui, ninguém ouviu fa  - Marcos
· "Aposentaduria di vovó" garant  - Suzana
· isso é uma vergonha para o nosso estado   - cidinei
· Tem alguma coisa errada. Aposto que se e  - José dos Santos

13:39 Campanha mobiliza a população contra o racismo no SUS
13:26 Conferência municipal discute direitos da criança e do adolescente
13:13 Cobertura vacinal contra a Poliomielite em Cuiabá chegou a 45,94%
12:59 Contas da Prefeitura de Cuiabá são aprovadas por unanimidade pelo TCE
12:47 Mauro Mendes homenageia autoridades, líderes comunitários e servidores


12:34 Número de acidentes e de vítimas cai após instalação de radares
12:21 Nilson Leitão participa de votação do projeto que muda o superávit
12:08 Secretaria promove última etapa de formação para conselheiros escolares
11:56 Sintep/MT cobra Seduc sobre problemas na atribuição de aulas
11:43 Modelo Constitucional para os Tribunais de Contas é destacado
Cuiabá
Min: 18°
Max: 36°

TOPO | PRIMEIRA PÁGINA | ÚLTIMAS NOTÍCIAS | POLÍTICA | ECONOMIA | CIDADES | POLÍCIA | ESPORTES
BRASIL | MUNDO | DC ILUSTRADO | CUIABÁ URGENTE | EDITORIAIS | ARTIGOS | AZUL | TEVÊ | E-MAIL
Diário de Cuiabá © 2012