Domingo, 22 de abril de 2018 Edição nº 13163 18/11/2011  










DIA 24Anterior | Índice | Próxima

Cuiabá Auto Shopping será inaugurado

Da Redação

O Cuiabá Auto Shopping, primeiro empreendimento voltado para este segmento do mercado automotivo, abre suas portas na Capital no próximo dia 24. A expectativa é de que o espaço impulsione a comercialização de veículos novos e seminovos, além de trazer comodidade, conforto e segurança para os clientes e lojistas.

Com investimento inicial de cerca de R$ 4 milhões e previsão de gerar cerca de 300 empregos diretos, o espaço contará com 27 lojas que reunirão em num único local, lojas de veículos, acessórios, financeiras, agências de seguros, emplacamentos, serviços de despachantes e lanchonete, a exemplo do Auto Shopping Fórmula, o primeiro inaugurado no Estado, em Várzea Grande, em 2007.

“O Auto Shopping nasce com uma previsão de vendas de cerca de 250 automóveis/mês”, afirma o proprietário Éder Rangel.

O sócio-proprietário explica que esse novo empreendimento terá como diferencial a comercialização de veículos seminovos de modelos mais requintados. “Nosso diferencial será atender a um público que procura veículos de luxo, mais requintados, modelos seminovos, com até três anos de uso”, anuncia.

Na última quarta-feira, o empreendimento foi apresentado à imprensa e a alguns agentes do mercado revendedor de veículos da capital. O consultor de empresas, Homero Fischer, ministrou palestra na qual traçou o cenário positivo ao desenvolvimento e expansão do segmento em nível nacional, “graças ao aumento do poder aquisitivo da classe C”. Na última década, segundo ele, 30 milhões de pessoas entraram para a classe média, a classe ”C”. Nos próximos três anos, outros 3 milhões de pessoas devem chegar à classe média. Até 2014, 58% da população brasileira será formada pela classe média, que no Brasil inclui pessoas que ganham entre R$ 1,1 mil e R$ 3,4 mil.

Segundo Fischer, o shopping é uma tendência de mercado e, não poderia ser diferente no ramo de automóveis, o auto shopping é uma forma crescente de negócio. Já são cerca de 70 no Brasil.



Anterior | Índice | Próxima

Comentários Deixe aqui sua opinião sobre esse assunto




18:42
18:41 Botelho quer limpar a pauta na próxima semana
18:41 Pedro Taques chama Otaviano Pivetta de preconceituoso
18:41 Emanuel busca harmonia após saída de Niuan do partido
18:40 Juiz condena Wilson Santos a ressarcir o erário


18:40 Cirurgias devolvem visão a milhares
17:42 Cabral vira réu pela 23ª vez
17:42 Dodge falta à cerimônia de Temer
17:41 Ministério Público suíço mantém R$ 2,8 bi confiscados
17:41 MP abre inquérito para investigar Alckmin
Cuiabá
Min: 18°
Max: 36°

TOPO | PRIMEIRA PÁGINA | ÚLTIMAS NOTÍCIAS | POLÍTICA | ECONOMIA | CIDADES | POLÍCIA | ESPORTES
BRASIL | MUNDO | DC ILUSTRADO | CUIABÁ URGENTE | EDITORIAIS | ARTIGOS | AZUL | TEVÊ | E-MAIL
Diário de Cuiabá © 2018