Domingo, 04 de dezembro de 2016 Edição nº 13161 15/11/2011  










BR-163Anterior | Índice | Próxima

Acidente mata 3 de uma família

MOISÉS PALACIOS/O ESTADO DE MS
BR-163: carro da família de James Abib ficou completamente destruído ao se chocar com bi-trem
Da Reportagem

Uma família de Cuiabá se acidentou ontem pela manhã, na cidade Nova Alvorada do Sul (MS), no quilômetro 398 da BR-163. Pai, mãe e filha morreram quando o veículo se chocou com uma carreta bi-trem, provavelmente por conta da chuva forte.

De acordo com a investigadora da Polícia Civil, Macarena Moreira Lajo, que acompanhou o acidente na cidade, James Abib Couto, de aproximadamente 65 anos, deve ter perdido o controle da direção na pista molhada. Por isso o choque com o caminhão que vinha em sentido contrário.

O motorista da carreta levava 37 toneladas de farelo de soja de Rondonópolis. Ele ia para o Paraná e, conforme as investigações, não teve culpa pelo acidente. O caminhoneiro e a esposa não ficaram feridos.

A investigadora da Polícia Civil disse que provavelmente James, a esposa Maria Carmelita Januária, de 47 anos, e a filha Caroline Alves Couto, 19, tenham ido de Cuiabá para Campo Grande visitar familiares no feriado, quando também viajaram até Ponta-Porã, fronteira com o Paraguai, para fazer compras. Ontem, quando ocorreu o acidente, eles estavam a caminho de Campo Grande.

Os corpos saíram de Mato Grosso do Sul por volta das 19h de ontem e iriam demorar por volta de 15 horas para chegar a Cuiabá.

James Abib Couto era gerente da filial da empresa Atlas Transportes. Sua esposa, Maria Carmelita, de acordo com informações de amigos, atualmente era dona de casa. A filha de 19 anos, Caroline Couto estava no primeiro ano da faculdade de Geologia, na Universidade Federal de Mato Grosso. Ela era a única filha do casal. Mas James Abib também deixou outras duas filhas mais velhas do que Caroline.

Ontem à noite, os colegas da estudante se reuniram por conta de sua morte. Além de Caroline, a turma também perdeu este ano, em acidente de carro na Avenida Miguel Sutil, outros dois colegas: Leandro Marlon de Oliveira da Costa e Douglas Guilherme de Arruda. (DS)



Anterior | Índice | Próxima

Comentários Deixe aqui sua opinião sobre esse assunto

· Deus sabe o que digo, vinha uns 5 carros  - Só por Deus




20:49 Cartão de crédito concentra maior percentual de dívidas
20:45 Sistemas integrados ganham espaço
20:45 Conta de luz é a 14ª mais cara em ranking da AIE
20:44 Janeiro poderá ter colheita recorde
20:27 Justiça condena secretária a indenizar deputada em R$ 8 mil


20:27 Pagot é absolvido de fraude em licitação
20:27 ‘Ninguém está acima da lei’, diz Pedro Taques
20:26 Vereadores esperam por novo prefeito
20:26 Juiz reprova contas de dois vereadores
20:26 Giovani Guizardi devolve R$ 240 mil
Cuiabá
Min: 18°
Max: 36°

TOPO | PRIMEIRA PÁGINA | ÚLTIMAS NOTÍCIAS | POLÍTICA | ECONOMIA | CIDADES | POLÍCIA | ESPORTES
BRASIL | MUNDO | DC ILUSTRADO | CUIABÁ URGENTE | EDITORIAIS | ARTIGOS | AZUL | TEVÊ | E-MAIL
Diário de Cuiabá © 2015