Terça feira, 15 de outubro de 2019 Edição nº 13072 29/07/2011  










PALMEIRASAnterior | Índice | Próxima

Camisa de Marcos terá será estilizada

Da Redação

Embora a estreia oficial da camisa comemorativa do goleiro Marcos esteja marcada apenas para amanhã, no jogo contra o Atlético-MG, já estão vazando na internet imagens do uniforme especialmente desenvolvido para celebrar o último ano de carreira do goleiro do Palmeiras.

A Adidas, patrocinadora oficial do clube e criadora da camisa, confirmou que as quatro fotos publicadas em primeira mão pelo site www.palmeirasonline.com.br são realmente da nova vestimenta do arqueiro.

Conhecido por atuar quase sempre com uniformes azuis, em sua temporada de despedida Marcos terá uma camisa totalmente branca, com detalhes em dourado, lembrando a roupa atual do Real Madrid, que tem a mesma fornecedora de materais esportivos do Palmeiras.Também chama a atenção o brasão estilizado da camisa. Além do P de Palmeiras do lado esquerdo, o uniforme traz um M de Marcos do lado direito, exatamente igual ao que foi criado no ano passado para a roupa comemorativa pelos 500 jogos do goleiro pelo time alviverde.

Esperava-se que a camisa trouxesse uma assinatura do ídolo, mas pelo menos nas imagens vazadas até agora, não se vê nada disso, a não ser mesmo o símbolo especial criado para Marcos.

O goleiro participou efetivamente do desenho do modelo comemorativo, e a confecção levou quase quatro meses para ser concluída. Adidas e Palmeiras ainda não informaram quando a nova camisa estará à venda.

Especula-se que um evento possa acontecer hoje na Academia de Futebol, mas nem o clube nem a empresa confirmam esta informação. Assim, a princípio, toda a expectativa fica para o jogo de sábado contra o Atlético-MG, às 20h, no Canindé.

DISQUE-DENÚNCIA - Um dos alvos principais de uma torcida organizada do Palmeiras nas últimas semanas, o volante Marcos Assunção preferiu não polemizar, mas reprovou a atitude do grupo de criar uma espécie de ‘disque-denúncia’ para vigiar os jogadores e descobrir quais deles vão a baladas antes das partidas.

Na opinião do meio-campista, os jogadores têm o direito de se divertirem em seus momentos de folga, desde que não haja comprometimento do trabalho.

“A torcida precisa entender que temos nossa vida fora do Palmeiras. Nós somos seres humanos e não podemos pensar só no trabalho. É claro que eu não vou sair na véspera ou próximo do dia do jogo. Mas até mesmo o Felipão fala para a gente sair um pouquinho, não vejo problema nisso, desde que seja com cuidado e sem abusos", afirmou Assunção, reiterando que, aos 35 anos, é um dos atletas mais dedicados e disciplinados do grupo.

“Claro que dois dias antes, é preciso respeitar o Palmeiras e não estar por aí, porque não vai aguentar o jogo. Mas em semana sem jogo não tem problema nenhum, porque não dá para viver só de trabalho”, completou o volante.

Chamado de 'cachaceiro' por parte da torcida organizada, Assunção disse ainda que sequer gosta de bebida alcoolica. "Vocês me conhecem só profissionalmente, ali no treino, mas muitas pessoas me conhecem fora e sabem que eu não bebo, não porque eu não quero ou não devo, porque eu não gosto".

Indignado com a nova manifestação da organizada palmeirense, o técnico Luiz Felipe Scolari foi sucinto ao opinar sobre o disque-denúncia. “É uma frescura”, resumiu o treinador que, no último domingo, saiu em defesa de seus jogadores, bateu no peito e disse que se alguém deveria ser cobrado pelos resultados insatisfatórios do Palmeiras, deveria ser ele.



Anterior | Índice | Próxima

Comentários Deixe aqui sua opinião sobre esse assunto




16:35 Indústria alimentícia corre atrás do público que prefere comida orgânica
16:27 Riva diz ter pago R$ 175 mi para parlamentares
16:26 Habemus Autoridade Nacional de Proteção de Dados
16:25 O amor constrói
16:24 Solução estrutural


16:24 Lei de abuso de autoridade é ato de abuso de poder parlamentar
16:23 Chico Buarque lança primeiro romance após o Prêmio Camões
16:23
16:22 Terror nacional, Morto não fala mostra Daniel de Oliveira ouvindo lamento de cadáveres
16:21 A vida invisível disputa Oscar com 92 filmes
Cuiabá
Min: 18°
Max: 36°

TOPO | PRIMEIRA PÁGINA | ÚLTIMAS NOTÍCIAS | POLÍTICA | ECONOMIA | CIDADES | POLÍCIA | ESPORTES
BRASIL | MUNDO | DC ILUSTRADO | CUIABÁ URGENTE | EDITORIAIS | ARTIGOS | AZUL | TEVÊ | E-MAIL
Diário de Cuiabá © 2018