Quarta feira, 22 de outubro de 2014 Edição nº 12682 10/04/2010  










GRUPO NAOUMAnterior | Índice | Próxima

Plano de recuperação judicial está aprovado pelos credores

Duas usinas em MT, Jaciara e Pantanal devem iniciar moagem ainda neste mês


As três unidades do Grupo Naoum iniciam temporada 2010 com estimativa de ampliar em mais de 50% a moagem da cana
Da Redação

O plano de recuperação judicial proposto pelas usinas do Grupo Naoum foi aprovado por maioria, durante assembleia geral de credores, realizada ontem, em Anápolis (GO). O conselho foi acatado pelas três categorias de credores que aprovaram as formas e condições de pagamento apresentadas pelas usinas do Grupo. As classes de credores eram os “com garantia real”, os “sem garantia” e a classe trabalhista.

A votação teve 100% de aprovação por parte dos credores trabalhistas, cerca de 65% de aprovação dos credores com garantia pelo valor em dinheiro e 61,54% por voto individual. Com relação aos credores sem garantia, a aprovação de 97,98% pelo valor em dinheiro e 99,25% por voto individual.

Quanto as formas de pagamento, todos os credores serão pagos em nove anos, tendo dois anos de carência. Houve exceções para alguns credores com garantia que acreditaram na empresa, viabilizando recursos ou liberando espontaneamente garantias, os quais serão pagos em cinco anos. Já os trabalhistas serão pagos em doze meses, ainda esse ano.

Desde a aprovação do processo de Recuperação, as usinas do Grupo têm conseguido superar as dificuldades, inclusive, este ano, antecipando a safra, na unidade de Santa Helena, localizada em Santa Helena (GO).

As outras duas usinas do Grupo Naoum, localizadas no município de Jaciara (MT), devem começar a safra ainda esse mês. As três unidades juntas, Santa Helena, Jaciara e Pantanal, empregam cerca de 5 mil colaboradores diretos. No ano passado as unidades foram responsáveis pelo processamento de 2.407.353 toneladas de cana moída. Para esse ano é estimado um crescimento de 56%.

PROCESSO - No final de 2008, as usinas do Grupo Naoum, com sede nas cidades de Santa Helena, estado de Goiás (Usina Santa Helena de Açúcar e Álcool S/A) e Jaciara, no Mato Grosso (Usina Jaciara S/A e Usina Pantanal de Açúcar e Álcool Ltda), pediram recuperação judicial à 4ª. Vara Cível da Comarca de Anápolis, cujo titular é o Dr. Dioran Jacobina Rodrigues.

A recuperação foi concedida com o objetivo de viabilizar a superação da crise financeira vivida pela empresa no período da recessão internacional, a fim de permitir a manutenção da fonte produtora, do emprego dos colaboradores e dos interesses dos credores.



Anterior | Índice | Próxima

Comentários Deixe aqui sua opinião sobre esse assunto

20:52 Rainer Maria Rilke: O Livro das Horas
20:52 Jornalista lança livro de poesias na AML
20:51 Extensão
20:51 MAMT abre hoje mostra com modernistas
20:50 ‘Drácula’ é a estrela


20:50 ‘Apocalipse’ tem Nicholas Cage como astro
20:50 Comédia da Disney ganha destaque
20:49 Novo período de proibição
19:38 Ladrões fazem “limpa” em residência
19:37 Corpo de jovem é crivado de balas e choca a comunidade
Cuiabá
Min: 18°
Max: 36°

TOPO | PRIMEIRA PÁGINA | ÚLTIMAS NOTÍCIAS | POLÍTICA | ECONOMIA | CIDADES | POLÍCIA | ESPORTES
BRASIL | MUNDO | DC ILUSTRADO | CUIABÁ URGENTE | EDITORIAIS | ARTIGOS | AZUL | TEVÊ | E-MAIL
Diário de Cuiabá © 2012