Sábado, 15 de junho de 2019 Edição nº 12083 08/04/2008  










Anterior | Índice | Próxima

Clóvis tem mais popularidade

Da Reportagem

O historiador e apresentador de TV Clóvis Roberto Balsalobre de Queiroz, de 61 anos, foi apontado pela pesquisa como o apresentador preferido em Cuiabá. A pesquisa aponta que 21,2% dos entrevistados citaram o apresentador como o melhor. Em outras palavras, de cada cinco entrevistados, um mencionou o apresentador. Há 12 anos como titular do Cadeia Neles!, Clóvis Roberto percorreu uma imensa estrada até chegar onde está.

Paulista da cidade de Araçatuba, começou a carreira no rádio em 1971, quando informava os cartazes cinematográficos. Mudou-se para Rondonópolis a fim de ficar três meses e acabou morando 19 anos. Em 1991 veio para Cuiabá trabalhar na antiga Rádio Vila Real (atual Gazeta) e assessorar o então prefeito Dante de Oliveira com quem trabalhou até 2002. A maior gafe de Clóvis é não se lembrar do nome dos entrevistados. Por isso, o teleprompter – texto que aparece na câmera – tem que ficar ligado.

O Cadeia Neles! foi a estréia de Clóvis na TV. Em 2002 ficou três meses fora do ar, período em que se candidatou a uma vaga na Assembléia Legislativa e ganhou a primeira suplência. Filiado atualmente ao PPS, diz que não é candidato, por enquanto. Em breve, poderá mudar de opinião.

O apresentador diz receber com muita humildade o resultado da pesquisa. Embora o mais popular dos apresentadores, ele não vê problemas em fazer coisas do cotidiano como compras em supermercado e caminhadas pelas ruas. “Claro que as pessoas me abordam, fazem pergunta. Respondo sem problemas. Isso não me cansa”.

Clóvis sabe que um dos seus pontos fortes é o comentário que faz diariamente no programa, pois diz que não canta e não dança – apenas opina. Explica que sua fala é a visão do telespectador e fazer críticas é importante. Seus comentários lhe renderam vários processos.

“Fazer imprensa no país é difícil porque as leis de imprensa são ditatoriais. O direito de opinião está na constituição e isso não é respeitado”, lamenta. Atualmente na Rádio CBN na parte da manhã, ele participa da edição do Cadeia Neles! dando sugestões. Chegou a vetar uma matéria sobre suicídio. (AR)



LEIA TAMBÉM

A hospitalidade de sempre
Acomodação é vista como pior defeito
Violência é o que há de pior na cidade
Hospitalidade fez fama da cidade Brasil a fora
Maioria acha que a vida vai melhorar
‘Pau-rodado’ é visto como trabalhador
Relação tensa criou imagem ruim sobre os ‘paus-rodados’
Peixe é o prato mais popular nas mesas
Cerveja Skol domina a noite
Cabeça de pacu vence como símbolo
Pesquisa prova predominância católica
Cuiabano tem mais devoção por Nossa Senhora Aparecida
Governo Lula fez petismo crescer
População reprova em massa idéia de uma nova divisão
Políticos são reprovados, diz pesquisa
Caminhar é a atividade física predileta
De cada 100 pessoas, 24 são mixtenses
Um em cada 5 torce para o Flamengo
Torcida elege Bife como o maior craque
Trio é a maior personalidade da Capital
Nico e Lau ficam em 2º lugar
Empate técnico nos telejornais
Clóvis tem mais popularidade




Anterior | Índice | Próxima

Comentários Deixe aqui sua opinião sobre esse assunto




06:12 Alento na segurança
06:11
06:10 Bandidos na TV conta o caso do apresentador acusado de encomendar mortes por audiência
06:09 Do cinema para os palcos: Loucos de Amor estreia neste final de semana
06:05 Lula põe em dúvida facada em Bolsonaro


06:04 Morre aos 76 anos o jornalista Clóvis Rossi
06:03 Maia diz que governo é usina de crises
06:00 Após cortes, Copa América começa com problemas
06:00 Toronto Raptors conquista NBA pela 1ª vez
05:59 Messi vira pavão e tenta título inédito
Cuiabá
Min: 18°
Max: 36°

TOPO | PRIMEIRA PÁGINA | ÚLTIMAS NOTÍCIAS | POLÍTICA | ECONOMIA | CIDADES | POLÍCIA | ESPORTES
BRASIL | MUNDO | DC ILUSTRADO | CUIABÁ URGENTE | EDITORIAIS | ARTIGOS | AZUL | TEVÊ | E-MAIL
Diário de Cuiabá © 2018