Quinta feira, 30 de julho de 2015 Edição nº 12067 19/03/2008  










ROUBO DE CAMINHÕESAnterior | Índice | Próxima

Polícia prende quem faltava em quadrilha

Da Reportagem

Policiais da Delegacia de Vigilância e Capturas (Decap) prenderam o nono e último integrante do bando chefiado pelo comerciante Nilton César Rodrigues, o “Pingorá”, de 35 anos. Trata-se de Salmo Silva Machado, de 32, responsável pelo contato entre os assaltantes e os receptadores. O bando, que age há oito anos, é suspeito de realizar o roubo de cerca de 200 carretas e caminhões em quatro estados, segundo a Polícia Civil.

Toda a quadrilha está presa na cidade de Caiapônia (GO), onde o juiz daquela comarca decretou a prisão de todos por envolvimento com roubo de carretas e cargas. O bando age nos estados de Minas Gerais, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Goiás. O alvo são carretas e caminhões visando veículo e cargas. Algumas carretas roubadas em Goiás eram trazidas para Mato Grosso.

Segundo o chefe de operações da Decap, policial civil Edson Leite, algumas carretas roubadas são vendidas a receptadores que possuem uma certa frota de veículos. Os carros roubados são remontados – usando documentos de uma carreta regularizada – e, com isso, dobra a frota. “Em pouco tempo, quem tinha cinco carretas fica com 10 e assim por diante”.

Outras carretas são vendidas para desmanche para cidades do interior. “Em pouco mais de duas horas, um caminhão é desmanchado. Temos a informação que, nos últimos meses, até três carretas eram desmanchadas por semana”, assegurou o chefe de operações.

Inicialmente, o bando roubava carretas para ficar apenas com a carga, geralmente combustível, mas nos últimos anos, estava comercializando também os veículos. Em média cada carreta roubada está avaliada em cerca de R$ 500 mil.

De acordo com a delegada Vera Rotilde, há oito anos, Pingorá e seu bando são investigados em Mato Grosso e nos estados vizinhos. Preso várias vezes, ele chegou a ser indiciado por roubo de carretas, mas estava em liberdade.

Além de Pingorá e Salmo, estão presos Flávio Silva Oliveira, o “Lambão”, Deovi Gomes de Souza, o “Papaléguas”, Juscelino Lira Oliveira, o “Baiano”, Joadilson Aletante Tolete, o “Xuxa”, Ivanir José Testa, Radamés Henrique Medina e Miriam Celestina de Jesus. Eles estão na cidade goiana desde o mês passado e respondem processo por roubo de carretas.

Salmo foi preso numa chácara em Chapada dos Guimarães, onde se escondeu desde a semana passada, após ter a prisão preventiva decretada. Para chegar ao assaltante, os policiais seguiram a esposa dele, que foi procurá-lo. No sábado de manhã, os policiais prenderam Salmo, que ficou surpreso pelo fato de o terem localizado. A chácara fica num lugar de difícil acesso. (AR)



Anterior | Índice | Próxima

Comentários Deixe aqui sua opinião sobre esse assunto

12:36 Taques participa de reunião com Dilma para debater responsabilidade fiscal
12:25 Recursos para custeio do Hospital São Benedito já estão disponíveis
12:14 Ciclo de Capacitação em Tangará acontece entre os dias 20 e 21 de agosto
12:03 Servidores participam de Workshop sobre Etiqueta Profissional
11:52 Resíduos irregulares são retirados de área no entorno do Aterro


11:41 Secretário de Saúde é questionado por vereadores do município
11:30 TCE-MT aprecia contas de gestão da Câmara de Novo Santo Antônio
11:19 Cuiabanos vão disputar Luta Olímpica nos Jogos Escolares em Sorriso
11:08 Governador afirma que Delegacia Regional pode voltar para Diamantino
10:57 Prefeito solicita escola para o Novo Diamantino e mais salas de aula
Cuiabá
Min: 18°
Max: 36°

TOPO | PRIMEIRA PÁGINA | ÚLTIMAS NOTÍCIAS | POLÍTICA | ECONOMIA | CIDADES | POLÍCIA | ESPORTES
BRASIL | MUNDO | DC ILUSTRADO | CUIABÁ URGENTE | EDITORIAIS | ARTIGOS | AZUL | TEVÊ | E-MAIL
Diário de Cuiabá © 2015