Terça feira, 20 de agosto de 2019 Edição nº 11977 28/11/2007  










EDUCAÇÃOAnterior | Índice | Próxima

Ministro lança PDE hoje em Cuiabá

KEITY ROMA
Da Reportagem

O ministro da Educação, Fernando Haddad, passará hoje por Cuiabá com o projeto Caravana da Educação, para lançar o Plano de Desenvolvimento da Educação (PDE). O PDE foi criado para melhorar o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) no país, no qual Mato Grosso tem nota abaixo da média nacional.

Enquanto a média brasileira é de 3,8, a do Estado é 3,6, e alguns municípios têm dados bem inferiores. Para se comparar, nos países desenvolvidos, a nota do Ideb é 6. A meta do governo federal é elevar a nota nacional para no mínimo 5,8 até 2022, no bicentenário da Independência do Brasil.

Para participar do PDE, os Estados e municípios precisam aderir ao programa. Os prefeitos de todas as cidades mato-grossenses foram convidados a participar do evento e a expectativa do Ministério da Educação (MEC) é que várias assinaturas sejam colhidas hoje.

O PDE prevê ações em todas as etapas de escolarização, abrange desde as creches até a educação profissional. O sistema é pautado em 28 diretrizes e terá a eficiência aferida por avaliações de qualidade e de rendimento dos estudantes. Os três principais focos são combater a evasão escolar, aumentar o rendimento e reduzir a repetência.

Em Cuiabá, o ministro também visitará a Escola Estadual Liceu Cuiabano e anunciará a expansão dos campi da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) em Rondonópolis, Médio Araguaia e Sinop. A meta é criar 6.100 novas vagas até 2009.

Antes de passar pela Capital, ele vai, pela manhã, até Sinop conferir as obras no campus. Para reforçar a educação profissional, o MEC tem planos de construir seis novas escolas no Estado até 2010.



Anterior | Índice | Próxima

Comentários Deixe aqui sua opinião sobre esse assunto




18:18 Fim de semana com quatro acidentes fatais em MT
18:18 Lei Seca prende mais seis motoristas por dirigir embriagados
18:18 Preso acusado de estuprar criança de sete anos
18:17 Mais de 340 condutores podem ter a CNH suspensa
18:17 Justiça determina suspensão de cursos até regularização no MEC


18:16 Proibidas, queimadas explodem em MT
18:16 MPE investiga supostas irregularidades em pagamento de gratuidades
18:16 Terceirizados da limpeza fecham guaritas da UFMT
18:15 Contrariando previsões, chove em Cuiabá
18:13 Deputada do PT é alvo de operação da Polícia
Cuiabá
Min: 18°
Max: 36°

TOPO | PRIMEIRA PÁGINA | ÚLTIMAS NOTÍCIAS | POLÍTICA | ECONOMIA | CIDADES | POLÍCIA | ESPORTES
BRASIL | MUNDO | DC ILUSTRADO | CUIABÁ URGENTE | EDITORIAIS | ARTIGOS | AZUL | TEVÊ | E-MAIL
Diário de Cuiabá © 2018