Sábado, 18 de novembro de 2017 Edição nº 11764 14/03/2007  










CIDADE ASSUSTADAAnterior | Índice | Próxima

Semana começa com violência em alta

Dois menores, de 16 e de 13 anos, assaltaram empresa e mataram uma mulher; ontem, em outro assalto, funcionária de loja foi ferida à bala

Geraldo Tavares
Garotos confessaram autoria do assalto, em que feriram de morte proprietária de uma empresa
ADILSON ROSA
Em um período de menos de dois dias, dois assaltos seguidos de tiroteio e vítima fatal deixaram a cidade mais assustada do que de costume. O primeiro foi segunda-feira, no bairro Altos da Serra, onde dois menores assaltaram uma distribuidora de bebidas e feriram mortalmente a comerciante Elmada Félix da Silva Lopes, de 45 anos. Ela ainda foi socorrida, mas não resistiu ao ferimento e morreu no dia seguinte, no Pronto-Socorro de Cuiabá.

Ontem, a polícia registrou um segundo assalto, desta vez no bairro Tijucal, onde dois homens armados invadiram uma loja, renderam os clientes e dispararam um tiro contra a vendedora Estefany Santa da Silva, de 23 anos, que também foi levada ao Pronto-Socorro, mas apresenta um quadro estável e não corre risco de morte. A polícia está à procura dos assaltantes e suspeita que a dupla também possa ser integrada por menores de idade.

A vendedora Estefany da Silva foi baleada no tórax durante a tentativa de assalto na loja de confecções e calçados onde trabalha, no bairro Tijucal. Os dois assaltantes invadiram a loja rendendo clientes e funcionários. Os bandidos obrigaram a vendedora a levá-los até a vitrine onde são expostos celulares novos. Em dado momento, um deles atirou e acertou Estafany. Em seguida, fugiram numa motocicleta.

A tentativa de assalto ocorreu por volta das 13 horas, quando havia poucos clientes na loja. Testemunhas disseram que os bandidos chegaram em busca de aparelhos celulares. Os clientes ficaram apavorados com a ação dos bandidos.

Policiais militares que faziam rondas nas proximidades foram avisados e tentaram localizar os ladrões, mas não obtiveram êxito. Uma das suspeitas é que os assaltantes sejam menores e que tenham se escondido em alguma casa do bairro.

Moradores que escutaram o disparo foram ver o que tinha ocorrido de anormal que provocou um grande movimento em frente da loja. Várias viaturas chegaram ao local, deixando os moradores assustados, sem saber o que estava ocorrendo.

Levada ao Pronto-Socorro de Cuiabá (PSC), a vendedora passou pelo box de emergência e está em observação. O estado dela é considerado estável e não corre risco de morte. Colegas de trabalho ficaram apavoradas com o assalto, pois não houve reação por parte de Estefany, mas mesmo assim os ladrões atiraram contra ela.

A rede de lojas sofreu recentemente uma ação dos bandidos na avenida dos Trabalhadores. No mês passado, ladrões arrombaram a parede da loja e roubaram cerca de R$ 100 mil.

Segundo o gerente, no início do ano passado, os ladrões assaltaram uma filial do bairro Cristo Rei, de onde levaram todo o dinheiro do caixa e deram tiros no interior da loja. Ele explicou que o disparo ficou cravado na parede. O roubo ocorreu num sábado à tarde.



Anterior | Índice | Próxima

Comentários Deixe aqui sua opinião sobre esse assunto

· ATÉ QDO SR GOVERNADOR DO ESTADO, IRÁ CON  - ricardo




21:20 Jovens são baleados por desconhecidos no CPA IV
21:19 Polícia prende dois irmãos acusados de roubo e homicídio
21:19 República é vítima de assaltantes
21:18 Bandidos assaltam joalheria
21:18 Menores já apresentados à Justiça ocupam cela na DEA


21:17 Semana começa com violência em alta
21:16 Irmã de atleta do Milan é libertada de cativeiro
21:15 Ataque deixa seis feridos. Três deles em estado grave
21:15 Dracena e Naldo são convocados
21:14 Portuguesa espera segurar o Cruzeiro
Cuiabá
Min: 18°
Max: 36°

TOPO | PRIMEIRA PÁGINA | ÚLTIMAS NOTÍCIAS | POLÍTICA | ECONOMIA | CIDADES | POLÍCIA | ESPORTES
BRASIL | MUNDO | DC ILUSTRADO | CUIABÁ URGENTE | EDITORIAIS | ARTIGOS | AZUL | TEVÊ | E-MAIL
Diário de Cuiabá © 2015