Terça feira, 18 de dezembro de 2018 Edição nº 11456 02/03/2006  










NOVELA Anterior | Índice | Próxima

Bruno Gagliasso viverá "caipira" apaixonado

Depois do problemático Inácio, de ‘Celebridade’, e o polêmico Júnior, de ‘América’, Bruno Glagliasso será um ‘caipira’ em “Sinhá Moça”

Folhapress – São Paulo

O ator Bruno Gagliasso pode se gabar de, nos últimos três anos, ter estado no ar em duas novelas das oito vivendo papéis bastante complexos, como o problemático Inácio, de "Celebridade" (2003), e o gay em vias de "sair do armário" Júnior, de "América" (2005).

Agora, ele volta ao ar em "Sinhá Moça", que estréia no dia 13 de março no horário das seis, vivendo Ricardo, irmão do protagonista Rodolfo (Danton Mello), que se apaixona pela misteriosa Ana do Véu (Ísis Valverde).

Para quem não se lembra da primeira versão da novela, exibida em 1986, Ana do Véu (na época interpretada por Patrícia Pillar) é uma jovem prometida a Rodolfo em casamento. Além disso, a garota também foi prometida a Deus pela mãe, cujo compromisso era manter seu rosto escondido por um véu até que se casasse, caso contrário iria para um convento.

Gagliasso explica que Ricardo se apaixona por aquilo que Ana é, não por sua aparência. "Ele se apaixona não pela beleza estética, mas pela beleza interior. Admira sua pureza e sofre por sua prisão."

O ator acredita que a temática é pertinente aos dias de hoje, em que a aparência é bastante valorizada. "Cabe a nós trabalharmos para que isso não seja tão importante assim. Esses dois personagens vão ajudar as pessoas a olharem umas para as outras de maneira diferente", especula o ator, que reclama por ainda ter gravado poucas cenas da nova trama. "Gosto de trabalhar."

Depois de ter sido disputado por Benedito Ruy Barbosa, autor do remake, e João Emanuel Carneiro, que assinará "Cobras e Lagartos", a próxima novela das sete da Globo, Gagliasso comemora o fato de ter feito trabalhos de expressão com tão pouca idade _tem apenas 23 anos.

"O Ricardo é outro desafio. Ele é do campo, trabalha na terra e, apesar de pertencer a uma família abastada [seu irmão é advogado], optou por não estudar. Ele não fala corretamente e, ao mesmo tempo, não fala tão errado quanto os escravos. Não é um homem completamente caipira. É como Júnior, não está aqui nem lá", ironiza o ator, que revela outras nuances do papel. "Ao mesmo tempo, o Ricardo é sarcástico, safado, sabe o que quer. Mas é uma pessoa pura, que tem altos papos com seu cavalo."

Bichos - Gagliasso confessa que emprestou ao papel a paixão que tem pelos animais. "Tem uma frase do James Dean de que eu gosto muito: "Eu prefiro os animais porque eles não julgam”. Isso representa quem é o Ricardo."

O ator tem tanta consideração com os bichos, que seu cachorro, a quem considera "um filho", tem nome e sobrenome. "Adoro passear com meu filho pela rua. O nome dele é Pedro Henrique Fonseca Júnior."



Anterior | Índice | Próxima

Comentários Deixe aqui sua opinião sobre esse assunto




18:52 Depoimento tem teclado Quebrado e fio queimado
18:52 Empresa Boeing fecha termo de compra
18:52 Michel Temer sai em defesa de Dilma
18:51 Bolsonaro pede "disciplina" e "hierarquia"
18:51 Réver se aproxima de retorno


18:50 Timão se reforça para brigar por títulos
18:49 Oitavas terão duelos entre PSG e Manchester United
18:49 Felipe Melo ignora interesse do Fla
18:48 São Paulo luta para manter Hudson
18:48 Dourado não descarta deixar o Inter
Cuiabá
Min: 18°
Max: 36°

TOPO | PRIMEIRA PÁGINA | ÚLTIMAS NOTÍCIAS | POLÍTICA | ECONOMIA | CIDADES | POLÍCIA | ESPORTES
BRASIL | MUNDO | DC ILUSTRADO | CUIABÁ URGENTE | EDITORIAIS | ARTIGOS | AZUL | TEVÊ | E-MAIL
Diário de Cuiabá © 2018