Quarta feira, 20 de março de 2019 Edição nº 11437 05/02/2006  










SANTO ANTÔNIO Anterior | Índice | Próxima

Navio da Marinha retorna a MS

Da Reportagem

O navio patrulha Poti, da Marinha do Brasil, não vai mais atracar em Santo Antônio de Leverger na manhã de hoje, como estava previsto. O Poti retornou ontem à tarde a Ladário(MS).

Segundo a Marinha do Brasil, as dimensões do navio (29 metros de comprimento, seis de largura e 105 toneladas), aliadas à sinuosidade e profundidade do rio Cuiabá na área próxima a Porto Cercado, colocariam em risco a segurança do navio e da tripulação. O regime de águas da região de Porto Cercado, no município de Poconé, com fortes correntezas e muitas pedras encontradas neste período do ano impediram a continuidade da viagem.

O Navio retornou do Km 340 do rio Cuiabá, quando ainda restavam 237 Km, navegando contra forte correnteza, para chegar a Santo Antônio do Leverger.



Anterior | Índice | Próxima

Comentários Deixe aqui sua opinião sobre esse assunto

· A reportagem seria bem mais atrativa e s  - João Galdino de Medeiros




16:33 Navio da Marinha retorna a MS
15:59 Deputados aguardam a contra-proposta
15:58 Bancos não cumprem a Lei em Barra
15:58 Advogada pediu indenização de R$ 10 mil em Tangará
15:58 Só um banco se adequou em Cáceres


15:58 Moradores bloqueiam BR-174 por 3 horas
15:57 Governo não vai regulamentar Lei
15:57 Faculdades não prepararam alunos
15:57 UFMT deveria aprovar mais, diz OAB
15:56 MT ainda é promissor para advogados
Cuiabá
Min: 18°
Max: 36°

TOPO | PRIMEIRA PÁGINA | ÚLTIMAS NOTÍCIAS | POLÍTICA | ECONOMIA | CIDADES | POLÍCIA | ESPORTES
BRASIL | MUNDO | DC ILUSTRADO | CUIABÁ URGENTE | EDITORIAIS | ARTIGOS | AZUL | TEVÊ | E-MAIL
Diário de Cuiabá © 2018