Quinta feira, 22 de novembro de 2018 Edição nº 11245 19/06/2005  










DESTINOAnterior | Índice | Próxima

A numerologia pode explicar

Pela numerologia estamos em um ano de energia 7, número do perfeccionismo, da nitidez e da clareza, ano em que ‘toda a sujeira virá à tona’. Alguém duvida?

ADRIANA GOMEZ
Da Reportagem

A consulta à numerologia (estudo da significação oculta dos números e da influência deles no caráter e no destino das pessoas), antes, alardeada por artistas e mantida em segredo por empresários, vem ganhando adeptos e se popularizando a cada dia. Prova disso é o crescente número de atendimentos e solicitação de palestras que o advogado e numerólogo, Marco Aurélio R Mendes, vem realizando a cada ano.

Nascida há mais de 2500 anos, a numerologia pitagórica – fundada por Pitágoras, o pai da matemática moderna - é a mais aplicada na comunidade ocidental, e ao contrário do que muitos acreditam não é um simples sistema de previsão futura. Na verdade, revela Marco Aurélio, ‘a numerologia, quando se faz uma análise do mapa natal da pessoa, nos dá as características da personalidade dessa pessoa, quais são essas características, o que ela vai ter dificuldade de lidar na própria personalidade, qual o destino que vai ter, e nesse destino quais as circunstâncias que terá que desenvolver’.

Para quem não acredita, como o próprio Marco Aurélio, há quase dez anos, uma curiosidade. No final do ano passado, em entrevista ao Ilustrado, quando falou sobre as perspectivas para o ano de 2005, o numerólogo destacou que por ser um ano de energia 7, 2005 será o ano que vai fazer o mundo cair na realidade, quando toda a sujeira vem à tona. "O ano que está chegando é de auto-reflexão, da busca do auto conhecimento. É o ano que vai depurar, vai mostrar a sujeira. Tudo virá à tona. Vai depender de como cada um vai lidar com isso", disse à época. Segundo ele, os escândalos dos Correios, Mensalão e Crimes Ambientais, são algumas conseqüências do "saneamento" que o ano vem trazendo. Ele esclarece que 7 é o número do perfeccionismo, número da nitidez e da clareza, e muita coisa pode vir à tona, em todos os sentidos.

Maggi – Analisando o mapa numerológico do governador Blairo Maggi, que vem sendo alvo de constantes críticas nos últimos meses, Mendes mostra que tudo vem acontecendo entre maio e junho, pelo fato dele estar, até antes do aniversário no ano 6 (29 de maio). "Um dos aspectos que Maggi tem no mapa dele agora é o número 7. Isso quer dizer que ele tem como desenvolver uma serenidade e sabedoria para evitar todas essas circunstâncias que ele vem passando. Mas ele precisa ser analítico, ponderado e observador. Cuidadoso na tomada de decisões. Minucioso para que possa fazer isso de forma correta", aconselha Mendes.

Segundo o numerólogo, toda vez que o governador recorrer a este ponto da personalidade tomará decisões de maneira sensata. "Se não fosse o 7 ele seria uma pessoa altamente impulsiva porque ele tem duas características que são impulsivas", avisou. Agora este é um ano para Maggi semear e colher frutos bons ou ruins, depende dele, em 2006.

Marcos Machado – Já o secretário de Saúde e interino de Meio Ambiente, Marcos Henrique Machado, tem o 4 no Mapa. Isso significa que, querendo ou não, ele tem que ser muito correto. "O número 4 é da pessoa que vem para ser o "sal da terra", é uma pessoa honesta, correta, porque ele tem que ser assim. Ele pode até não querer, mas ele é assim. Machado é uma pessoa firme, alguém que age com os pés no chão, é prático. Tem paciência e determinação para resolver as coisas que têm que ser resolvidas. Outra característica de Machado é o número 5, que traz uma grande capacidade negociadora", avalia. Daí o homem certo no lugar certo.

PT – Já as agruras pelas quais passa o Partido dos Trabalhadores pode ser explicada pelo fato do 13 não deixar de ser um 4. "Apesar deste número ser o das construções sólidas, do patriotismo, dos pés no chão, é um número que traz as coisas de maneira muito lenta. Se você tentar antecipar, cortar caminho ou acelerar o processo. Não dá certo. Este número quer que a pessoa seja metódico e suporte as regras e a organização", garante o profissional. "Para quem tem o 4, se dar bem, a palavra deve ser uma só. Sim ou não. Meio termo não existe", revela.

Nome – Quanto aos que procuram um bom nome para um filho para que ele tenha uma boa vida, Mendes explica que não existe uma "fórmula" para isso. Para empresas também tudo deve ser avaliado. "Depende da atividade, da época".

Para todos – Para os demais, um alerta: 2005 não é um ano favorável no sentido material, financeiro. Quem tiver pendências financeiras terá dificuldade para receber dinheiro, no entanto pode haver surpresas quanto a dívidas antigas que poderão ser quitadas inesperadamente. No geral, independente do número pessoal de cada um, quando se for fazer contratos ou parcerias, será necessário muito cuidado com as entrelinhas, pois elas podem derrubar ou estragar o negócio em questão.

Para quem quer tentar direcionar melhor a vida, através da numerologia (como esta repórter, que agora assina Gomez e não mais Gomes),pode contatar Marco Aurélio pelos telefones 628-2063 (para agendamento de consultas falar com Rusandra) ou 9603-5540, ou ainda pelo email marcoaureliomendes@uol.com.br.



Anterior | Índice | Próxima

Comentários Deixe aqui sua opinião sobre esse assunto




17:52 Schumacher citou Senna como ídolo em entrevista
17:51 Fla e São Paulo citam interesses
17:51 Equipes de Cuiabá vencem o evento
17:51 Jogadoraproveita brechas e se firma como titular
17:50 São Paulo busca a vitória contra o Vasco


17:49 2.000 inscrições em apenas uma hora
17:48 Bolsonaro quer cerimônia curta e ato religioso inédito no dia da posse
17:48 Moro quer asfixiar crime organizado
17:47 Assessor de Viviane Senna será o ministro
17:47 Michelle quer atuar em todos os projetos
Cuiabá
Min: 18°
Max: 36°

TOPO | PRIMEIRA PÁGINA | ÚLTIMAS NOTÍCIAS | POLÍTICA | ECONOMIA | CIDADES | POLÍCIA | ESPORTES
BRASIL | MUNDO | DC ILUSTRADO | CUIABÁ URGENTE | EDITORIAIS | ARTIGOS | AZUL | TEVÊ | E-MAIL
Diário de Cuiabá © 2018